Olhar Conceito

Segunda-feira, 21 de junho de 2021

Colunas

Cirurgiã dentista fala sobre traumatismo dentário na dentição decídua

Autor: Sandra Botti Lotufo

31 Jul 2015 - 16:26

Arquivo Pessoal

Das emergências em odontologia, os traumatismos são os que causam maior impacto emocional e psicológico nos pais e na criança. Portanto, o Odontopediatra devera direcionar o atendimento tanto para os pais, acalmando-os, tranquilizando-os, transmitindo-lhes segurança, estabelecendo um diagnostico correto, a fim de que a estratégia terapêutica seja adequada e tecnicamente correta, resolvendo o problema do presente e minimizando os prováveis efeitos indesejáveis nos dentes permanentes em desenvolvimento.

O traumatismo dentário pode causar alterações físicas, estéticas, funcionais além do impacto psicológico. O sucesso do tratamento depende de vários fatores como: a idade da criança, do tipo e da severidade da injuria e do tempo de atendimento após o trauma.

As radiografia são partes importantes do diagnostico e tratamento das injurias traumáticas, sendo as iniciais, fundamentais para o acompanhamento do caso. Elas possibilitam detectar: fraturas radiculares, grau de deslocamento dentário, presença de fragmentos dentários ou outros corpos estranhos nos tecidos moles.

Quando ocorre uma lesão na dentição decídua, os pais devem ser informados sobre possíveis complicações pulpares, e alterações de cor da coroa.

Deve-se orientar os pais com relação á dieta, higiene bucal, hábitos de sucção, e necessidade periodica de retorno.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet