Olhar Conceito

Quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

Notícias | Artes visuais

relações contemporâneas

Palácio da Instrução recebe exposição em homenagem a Irigaray e com outros 7 artistas

Foto: Reprodução / Irigaray

Palácio da Instrução recebe exposição em homenagem a Irigaray e com outros 7 artistas
Depois de receber a Bienal de São Paulo no mês de novembro de 2015, o Palácio da Instrução abre as portas para uma exposição tão grandiosa quanto. “Irigaray: Arte Cidade” começa no próximo dia 27 de janeiro, e traz obras de um dos artistas que mais representa a arte moderna mato-grossense.

Leia mais:
Bienal no Palácio da Instrução é 'união da vanguarda e do histórico', afirma Secretário de Cultura; Lançamento aconteceu ontem
Noite cultural une música e artes plásticas para homenagear Clóvis Irigaray

De acordo com a Assessoria, Clóvis Irigaray será o ‘fio condutor’ da exposição, que conta ainda com obras dos artistas Babu Seteoito, Elias de Paula, Heitor Magno, Luís Segadas, Marcus Levy, Rai Reis e Renato Campello. Desta forma, se unem grafite, fotografia, design e artes visuais em uma mostra que tem como tema as relações contemporâneas e fica em cartaz até abril deste ano.

Para o Secretário de Estado de Cultura, Leandro Carvalho, a ideia é mostrar a trajetória deste que é um dos maiores artistas plásticos do país: “Irigaray é, ele próprio, parte da obra resumindo uma maneira única de ser, pensar e sentir. Esta exposição dedicada a sua obra chega num momento especial, de revitalização e oxigenação das artes mato-grossenses, num espaço nobre e recentemente restaurado”, afirma.

Dentro do tema, os assuntos abordados são muitos. Dentre eles, as relações humanas, ambiente, consumo, miscigenação, arte urbana e tecnologia, afetos, sexualidade e gênero.

Irigaray, o homenageado, já participou da Bienal de São Paulo, Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro e o Panoramas das Artes de Mato Grosso, no Museu de Arte e Cultura Popular da UFMT, dentre outros. Além disso, em 2013 foi nomeado Embaixador das Artes pela Academia Francesa de Artes, Letras e Cultura e convidado para expor seu trabalho no Museu do Louvre, em Paris.

A Bienal de São Paulo, última exposição recebida pelo Palácio da Instrução, levou ao local cerca de nove mil pessoas em dois meses

“Seguimos com o intuito de fortalecer aquele espaço avançando no rearranjo dos equipamentos culturais de Cuiabá, com ambientes de fruição artística, conectados, acessíveis e sempre com uma programação de qualidade, interessante e pertinente”, afirmou o secretário Leandro Carvalho.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet