Olhar Conceito

Quarta-feira, 02 de dezembro de 2020

Notícias / Artes Cênicas

Mato-grossense tem 17 dias para juntar dinheiro e realizar o sonho de ser uma bailaria de Bolshoi

Da Redação - Isabela Mercuri

26 Jan 2016 - 14:20

Foto: Arquivo Pessoal

Mato-grossense tem 17 dias para juntar dinheiro e realizar o sonho de ser uma bailaria de Bolshoi
A menos de vinte dias para o início das aulas em Joinville (SC) e uma semana após ter pedido ajuda na imprensa, a família de Sara Centenaro não sabe o que fará para que a menina continue seus estudos na Escola de Teatro Bolshoi no Brasil. A rondonopolitana foi a única mato-grossense que superou mais de mil candidatas e ganhou uma das 22 bolsas de estudo na escola, que é também a única filial do Teatro Bolshoi de Moscou do mundo.

Leia mais:
Rondonopolitana selecionada para o Bolshoi Brasil pede ajuda financeira para continuar na escola
Rondopolitana de 10 anos supera mais de mil bailarinas e é selecionadas para estudar na Bolshoi Brasil

Depois de concluir o primeiro ano com êxito, tanto na escola de balé quanto na regular, Sara teve que retornar a Rondonópolis nas férias. Sua mãe, Eridam Silva, viveu em Joinville e trabalhou para sustentá-la, mas depois de uma doença e uma cirurgia precisou voltar para a cidade natal.

Agora, as duas precisam de dinheiro para as passagens e para que Sara se mantenha em Santa Catarina. A saída para elas seria que a garota morasse na Casa Social da escola, onde eles oferecem moradia e alimentação, mas é preciso pagar R$1 mil por mês: “Eu não tenho esse dinheiro, porque tenho outros filhos aqui em Rondonópolis também”, explica Eridam.

Desde que começou a pedir ajuda, a mãe só conseguiu duas doações pequenas, que não a ajudaram a comprar a passagem: “Eu preciso estar lá no dia 12 de fevereiro, e a passagem de Rondonópolis para Joinville custa cerca de mil reais. Mas a ajuda será bem vinda sempre, porque também não sei como vou sustentá-la lá”, afirmou.

Apesar da incerteza e das dificuldades, Eridam acredita que vai conseguir realizar o sonho da filha. “Conseguindo as passagens, se não tiver outro jeito nestes primeiros meses deixo ela na casa das coleguinhas”, afirmou.

Quem puder ajudar Sara com qualquer quantia, pode depositar na conta do Bradesco, Agência 2228 e Conta Corrente 25604-8. Para ajudar de outra forma, entre em contato pelo telefone (66) 8153-4588 (WhatsApp) ou (66) 9661-1827.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet