Olhar Conceito

Quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Notícias / Artes Cênicas

Flor Ribeirinha leva ‘Nandaia’ para a beira do rio com participações especiais

Da Redação - Naiara Leonor

30 Abr 2016 - 14:23

Foto: Reprodução

Flor Ribeirinha leva ‘Nandaia’ para a beira do rio com participações especiais
O grupo Flor Ribeirinha apresenta neste sábado (30) seu espetáculo principal ‘Nandaia’ de forma diferente e gratuita. Encenado no ‘Quintal da Domingas’ a partir das 20h, a peça ganha os ares da beira do rio, o sabor da Comunidade São Gonçalo e as belezas do artesanato ribeirinho, já que barraquinhas com comidas típicas e produtos confeccionados na comunidade estarão disponíveis no local. Quanto ao espetáculo, a novidade vem com a participação da cantora Ana Rafaela, da companhia de teatro Cena Onze e da academia Ópera Ballet.

Leia mais:

- Final de semana tem Mr. Catra, Victor e Leo, Gino e Geno, Kolombo e muito mais

- ‘Sob nova direção’, Cine Teatro deve voltar a ser cinema de rua e se tornar escola livre de artes

Domingas explica que no conhecimento dos ribeirinhos, o nome Nandaia significa “pássaro” e vem de origem indígena, sendo mais conhecida como uma composição musical de Siriri, que se tornou hino para o folclore cuiabano.

“A música que deu o nome ao espetáculo é utilizada principalmente no repasse do conhecimento popular, por meio do canto e da dança regional que vem atravessando gerações”, observa a dirigente.

Segundo a dirigente do grupo, Domingas Leonor, será um espetáculo bem formatado e dirigido ao público, com roteiro que exalta as várias manifestações culturais de Mato Grosso. Neste contexto, Domingas adianta que ‘Nandaia’ homenageia as várias expressões da cultura popular mato-grossense como o Chorado de Vila Bela, Mascarados de Poconé, a religiosidade, o Rasqueado, o Cururu e o Siriri, além de mostrar personagens como Maria Taquara e outros da ‘cuiabania’.

“Este ano, umas das novidades no quintal, durante a apresentação do espetáculo, será a exposição ‘Convertendo em Curvas’, do artista plástico Adriano Figueiredo. Vale a pena comparecer ao espetáculo”, recomenda Domingas.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet