Olhar Conceito

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Notícias / Artes visuais

Depois de ser censurada em shopping, exposição de nu artístico é levada a Museu de Arte de MT

Da Redação - Isabela Mercuri

05 Ago 2016 - 14:02

Foto: Tchélo Figueiredo

Depois de ser censurada em shopping, exposição de nu artístico é levada a Museu de Arte de MT
Quase dois meses depois de ter sido censurada no Goiabeiras Shopping, a exposição “Cinco Elementos do Cerrado”, do fotógrafo Tchélo Figueiredo, chegou ao Museu de Arte de Mato Grosso (MAMT) nesta sexta-feira (5). Vinte e cinco fotos estão exibidas na parte externa do museu, no jardim e espelho d’água, até o próximo dia 4 de setembro. A entrada é franca.

Leia mais:
Exposição fotográfica que une o nu feminino com elementos do cerrado é censurada e retirada do Goiabeiras Shopping

A ideia da mostra é apresentar um olhar sobre os elementos regionais, o agronegócio e as belezas naturais do estado junto às mulheres. A exposição terá, ainda, participação do artista plástico Adir Sodré. “A ideia é que as mulheres que representam a pluralidade de traços femininos destaquem-se como deusas em meio aos cinco elementos do cerrado, numa intervenção desenvolvida pela busca constante de referências estéticas na poética visual”, explica Tchélo.

A exposição de Tchélo foi censurada no Goiabeiras Shopping após reclamações de pessoas que se sentiram incomodadas e afirmaram que as imagens eram impróprias para crianças que passam pelo local. Na época, o bispo Aroldo Telles publicou um artigo criticando e chegou afirmar que na mostra “há uma imposição da exposição, de um cenário que remete subjetivamente, sob olhar mais atento, à prostituição, à libertinagem sexual, e até mesmo ao ocultismo, pela junção macabra de mulheres explicitamente nuas, com cornos de animais mortos”.

Sobre a abertura no MAMT, Tchélo afirma: “O que posso dizer com certeza é que agora essa coleção de fotos chega a um lugar onde a arte é realmente valorizada, sem sofrer as consequências da hipocrisia ou do retrocesso”.

“Depois de tudo que aconteceu, expor meu trabalho ganhou proporções interessantes, levantando questionamentos sobre o transitar em lugares públicos e até que ponto o moralismo pode interferir na arte. Agora, no MAMT, por ser um espaço voltado para questões artísticas, a sociedade terá livre acesso, quem não quiser ver não entra. O museu é um lugar democrático, com endosso artístico e da sociedade. Estou feliz em poder levar meu trabalho para o MAMT”, finaliza.

Serviço

Abertura da Mostra “Cinco Elementos do Cerrado”
Dia 05 de agosto (sexta-feira), às 10h
No Museu de Arte de Mato Grosso (Rua Barão de Melgaço, n 3565, Centro)
Informações: 65 98425-1443 ou 65 3025-3221

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet