Olhar Conceito

Terça-feira, 18 de maio de 2021

Notícias / Artes Cênicas

insânia

Vida e obra de Luciene Carvalho são apresentadas em espetáculo no espaço 'InCasa' neste final de semana

Da Redação - Isabela Mercuri

24 Jan 2017 - 11:26

Foto: Olhar Direto

Vida e obra de Luciene Carvalho são apresentadas em espetáculo no espaço 'InCasa' neste final de semana
A vida e obra da imortal mato-grossense Luciene Carvalho serão apresentadas no Espaço InCasa a partir desta quinta-feira (26), até o próximo domingo (29), no espetáculo “Insânia”. Dirigida por André D’Lucca, a peça mistura a história de vida da poetisa, filha de Dona Conceição, moradora de um quintal cuiabano no Porto e esposa do Mano Raul, com seus livros.

Leia também:

Vida de Luciene Carvalho, caso das crianças mortas em incêndio em VG e outras histórias vão virar filmes

“Apesar do espetáculo se chamar Insânia, ele não é baseado só no livro. A gente está pincelando um pouquinho de cada obra dela”, destaca o diretor, ator, professor e idealizador do espaço Incasa, André D’Lucca.

A peça foi criada em parceria com dez atores, os alunos da primeira turma de 2017 do curso de teatro de D’Lucca. Entram em cena D`Lucca, Arthur Olímpico, Beatriz Pinheiro, Carolina Moreno Barboza dos Santos e Carmo, Daina Lima, Dorvalina Maria Guia de Oliveira, Kiko Paroli, Marcelo Maciel Lemos, Thais Amorim e Wagton Douglas.

Cada cômodo do espaço vai abrigar um momento da vida e da obra de Luciene, desde a Academia, onde ela é imortal, até o Adauto Botelho, onde ela foi internada, passando por seu encontro com Raul e sua infância.

Um dos atores do grupo, Wagton Douglas, foi diretor de Luciene. “Por anos tenho lido e por anos tenho ficado convulsionado pela sua verdade exposta. Ela tem o dom de quebrar, destruir com tudo o que acreditamos e expor sob a luz de um holofote de lúmens fortíssimo aquilo que tentamos camuflar por trás de nossas hipocrisias construídas em nossas relações familiares e sociais. Sempre me sinto apunhalado por seus escritos, porém esses me despertam de minha indolência e preguiça de refletir sobre outros universos existenciais que cada um nós carrega dentro de si. Em Luciene Carvalho tudo é intenso: a dor e a alegria, a loucura e a sanidade, o regime e a gula, o ódio e o amor, a gargalhada e o silêncio, os verões e os invernos”, afirma.

De acordo com a assessoria, exceto Wagton, cerca de 80% dos alunos não conheciam Luciene nem seu trabalho. Para chegar ao trabalho final, a imortal foi até o espaço InCasa e contou toda a sua vida para os alunos.



Relação com D’Lucca

O diretor do espetáculo, André D’Lucca, conheceu Luciene há cerca de cinco anos, quando dava aula no Palácio da Instrução. O primeiro contato, no entanto, não foi dos melhores.

“É como se o nosso santo não batesse naquele primeiro encontro. Na mesma semana eu encontrei novamente com Luciene. Ela estava fazendo algum trabalho lá no Pavilhão das Artes, no Palácio da Instrução e a gente conversou, então fui percebendo que Luciene era um enigma para mim. No terceiro encontro eu já estava apaixonado por ela”, disse o ator.

Desde então, nasceu uma grande amizade. No entanto, só agora conseguiram fazer um trabalho juntos. “Agora, na escola, eu tenho a oportunidade de falar sobre o que eu quero, de fazer o que eu quero. Não que o teatro nunca me possibilitou fazer isso, sempre fiz, mas tinha medo de trabalhar poesia, contos e autores daqui, porque dá-se a impressão que é mais difícil comercialmente, de vender poesia. E eu falei: agora é o momento”, conta D` Lucca.

“Eu acredito que o teatro é a eternitude do imponderável. É motivo de muita alegria, de honra. Eu gosto desta palavra honra, no sentido de que se honra palavra, princípios e objetivos. E um dos objetivos de escrever poesia e publicar livros é a difusão. Então eu acredito que encontrei um nicho de atores que são difusores de raro talento. Quando esse grupo me escuta e me lê, eu me sinto percebida de uma maneira honesta. Eu também estou curiosa para ver os resultados. A intensidade do André se derramou para o grupo que está trabalhando os meus poemas, os meus contos. Eu agradeço a ousadia, profissionalismo e celeridade”, finaliza Luciene.

No Espaço InCasa, as sessões são reduzidas e o público é menor. Os ingressos vendidos servem para custear o cachê dos alunos em cena e repassar direitos autorais à poetisa. Os ingressos custam R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia-entrada), para estudantes, professores, doadores de sangue, policiais, funcionários públicos e amigos da rede social de André D`Lucca.

Serviço

Insânia
De quinta (26) a domingo (29)
Ingressos: R$60 (inteira) / R$30 (meia)
Informações: (65) 99292-9907
Endereço: Rua das Violetas, 130, bairro Jardim Cuiabá

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet