Olhar Conceito

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Notícias / Literatura

Escritores internacionais, Fliquinha, Orquestra de Choro e mais na Festa Literária de Chapada

Da Redação - Naiara Leonor

02 Mai 2017 - 16:30

Foto: Da Assessoria

Escritores internacionais, Fliquinha, Orquestra de Choro e mais na Festa Literária de Chapada
Com início na próxima sexta-feira (12), a partir das 19h, a 2ª Festa Literária de Chapada faz sua abertura com a apresentação do escritor angolano Pepetela, homenageado do ano, que sobe ao palco para compartilhar histórias. O imortal mato-grossense Ivens Scaff é outro homenageado da edição. No sábado (13) a Flic conhece o projeto Inclusão Literária de Clóvis de Barros, seguida pela Árvore da Leitura e início da Fliquinha, a festa literária para os baixinhos. Apresentações de dança, Orquestra de Choro, A entrada é gratuita e o evento acontece na Praça Dom Wunibaldo, no centro da cidade de Chapada dos Guimarães.

Leia mais:
Comemorando 20 anos de existência, Palco Giratório começa nesta quinta em Cuiabá

Como parte do calendário oficial da programação cultural da cidade, a 2ª FLIC contará com autores, editoras e livrarias que movimentarão a cidade e a comunidade local contando com o envolvimento de todas as escolas. “Tivemos o cuidado e preocupação em contemplar a cidade em todos os aspectos da programação”, afirmam os idealizadores da Festa Literária de Chapada, a historiadora Maria Amélia A. Crivelente e o editor Ramon Carlini.
 
Na programação foi considerada a participação ativa das famílias e crianças em diversas atividades. Logo depois da abertura oficial, o homenageado escritor angolano Pepetela assume o palco para compartilhar sua história e como ela se relaciona com a literatura da Angola, abrindo para um bate papo com os visitantes, sujeito à disponibilidade de vagas.
 
O Lounge de lançamentos de livros na Praça estará aberto aos visitantes e será um dos espaços de vivência da FLIC 2017. A programação da noite segue com as apresentações do Grupo Flor do Cambambe, com seu siriri, e Léo Boabaid e Luciene Carvalho, com a Seresta Literária inspirada em poemas dos autores homenageados pela FLIC 2017.
 
O segundo dia de programação, 13 de maio, começa com a abertura dos stands às 9h, que contará também com o projeto Inclusão Literária, de Clóvis Mattos, e o cortejo literário saindo da Praça Dom Wunibaldo.
 
Ao mesmo tempo, os espaços de vivência estarão abertos para receber as famílias mato-grossenses com a Árvore de Leitura, um espaço de leitura para os visitantes, e a Árvore da Palavra, com produção de poemas acompanhados por Luciene Carvalho. Às 9h30, tem início a programação da Fliquinha, espaço voltado ao púbico infantil, com a Oficina de Incentivo à Leitura e Fabricação de Marca Página de Micheli Sierra.
 
Às 10h o grupo musical Monofoliar apresentará o show Mel de Melão no palco principal da FLIC 2017. No mesmo horário terá início o 1º Bate Papo Literário “Os Sertões E A Literatura - Ricardo Guilherme Dicke e Guimarães Rosa”, mediado por Lorenzo Falcão e com as debatedoras Regina Pereira (SP) e Cristina Campos (MT), na Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães.
 
Na parte da tarde, o palco principal recebe o Grupo Comadança com a intervenção “Vós” e a Rapper Azul com convidadas, levando arte ao almoço na Praça a partir das 13h.
 
A tarde de sábado segue com as oficinas “Produção de Livros Artesanais”, do Projeto Vaga Lume de Bibliotecas Comunitárias e “Caixa De Sombra”, do grupo Teatro de Brinquedo, às 14h na Praça Dom Wunibaldo. No mesmo horário, a oficina “Ensino De África e Cultura para Professores”, será realizada pelo Instituto AFREAKA, com Lançamento de Coleção Didática na Câmara Municipal. 
 
Já às 15h o Instituto Ciranda apresentará no palco principal a Orquestra de Sopros, seguido pela intervenção “Caixas no Caminho”, do Grupo de Brinquedo. A Fliquinha recebe a partir das 17h a Contação De História de Fernanda Marimoon, seguida das Cantigas De Roda, com Weber Fraga.
 
Os bate-papos literários continuam na Câmara Municipal com “Literatura Urbana Em Mato Grosso: Silva Freire E Rubens De Mendonça”, mediado por Marília Beatriz e com as debatedoras Larissa Freire e Adélia Mendonça, às 17h. Logo após, às 19h, terá início o 3º Bate Papo Literário “Literatura Jovem e o Mercado Editorial”, mediado por Marta Cocco e com os debatedores Débora Goldemberg, Sheyla Smanioto e Santiago Santos.
 
A programação noturna de sábado continua na Praça Dom Wunibaldo com a apresentação de dança do grupo de Hip Hop Crespa Crew às 19h no palco principal. Às 20h, o Grupo Tibanaré apresenta a peça Andarilhos Das Estrelas, seguida pela apresentação da Orquestra De Choro da UFMT. Às 22h, a programação finaliza com a apresentação do grupo musical Mesa Pra 6 com muito samba e música brasileira.
 
Expositores
 
A 2ª edição da Festa Literária de Chapada dos Guimarães contará com stands dos expositores Livraria Janina, Bazar do Livro, Editora da UFMT, Editora Carlini & Caniato / TantaTinta, Editora Entrelinhas, Editora da UNEMAT, Fusca Sebo, Revista Camalote, Editora Sustentável e a Exposição Instituto Memória da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.
 
Realização
 
A segunda edição da Festa Literária de Chapada dos Guimarães é uma iniciativa do Instituto de Estudos Socioculturais (IESC) e do Instituto Cultural América (INCA), com a parceria e o apoio do editor mato-grossense Ramon Carlini. O Governo do Estado de Mato Grosso patrocina a iniciativa por meio da Secretaria Estadual de Educação, Esporte e Lazer. A Prefeitura Municipal de Chapada dos Guimarães, a Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães e a Assembleia Legislativa de Mato Grosso são parceiros institucionais.
 
Serviço

II FLIC – Festa Literária de Chapada dos Guimarães 
Quando: 12 de maio a partir de 18h e 13 de maio a partir de 9h
Onde: Praça Dom Wunibaldo e Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães
Qquanto: Gratuito
Informações: 65 3314 14 50 | 65 9 9614 9409
 

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet