Olhar Conceito

Sexta-feira, 04 de dezembro de 2020

Notícias / Artes visuais

Viaduto da UFMT e rotatória da Viola de Cocho recebem artes plásticas, jardinagem e iluminação

Da Redação - Isabela Mercuri

04 Jan 2018 - 17:07

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Viaduto do Despraiado foi o primeiro a receber o projeto

Viaduto do Despraiado foi o primeiro a receber o projeto

O viaduto Jornalista Clóvis Roberto de Queiroz, popularmente conhecido como viaduto da UFMT, e a rotatória da Viola de Cocho, na Avenida das Torres, serão os próximos pontos da cidade revitalizados por meio do programa ‘Cuiabá Cidade Viva’, que contemplou no ano passado o elevado Eng.º Domingos Iglesias Valério (Viaduto do Despraiado). Com o objetivo de transformar o visual destes pontos de grande fluxo, o projeto promove trabalhos de jardinagem, melhoria na iluminação e pinturas de artistas plásticos regionais nestes locais.

Leia também:
Viaduto do Despraiado é o primeiro a receber revitalização do projeto 'Cidade Viva'

A iniciativa é da Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e a Secretaria de Serviços Urbanos. De acordo com a assessoria, a ideia é promover a valorização de artistas regionais, da cultura cuiabana e, ao mesmo tempo, assegurar o embelezamento da cidade.

"O prefeito sempre nos cobra que precisávamos dar um visual melhor e compatível com riqueza histórica de Cuiabá. Tão logo o Governo do Estado concluiu as obras de drenagem no viaduto, nós entramos com nossa equipe para fazermos nossa parte, que é transformar a estrutura em mais um cartão postal da cidade. Estamos em processo de revitalização também da rotatória da Viola de Cocho, onde vamos recuperar o jardim e as esculturas e entregar no mês de fevereiro", explicou o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.

Após as obras, segundo o secretário, haverá também a preocupação com a manutenção destes locais, com equipes de limpeza e jardinagem atuando periodicamente na zeladoria de canteiros, rotatórias, viadutos e outros diversos pontos da cidade.

"Queremos acabar com a ideia de que debaixo dos viadutos sempre são locais insalubres e feios. Na verdade, queremos deixar mais bonitos, bem iluminados, onde as pessoas sintam-se seguras ao passar. É uma transformação de visual, onde aquilo que era apenas um concreto frio torna-se algo colorido. E Cuiabá, sem dúvida nenhuma, merece ser uma cidade limpa, jardinada e colorida. Fizemos esse mesmo trabalho no viaduto do Despraiado, onde a população fez uma série de elogios e agora estamos dando continuidade e, posteriormente levando para outros locais", finalizou Stopa.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet