Olhar Conceito

Sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Notícias / Pets

Governo federal facilita viagens internacionais com cães e gatos

Da Redação - Isabela Mercuri

20 Abr 2018 - 14:43

Foto: Reprodução / Ilustração

Governo federal facilita viagens internacionais com cães e gatos
Quem tem um animal de estimação e quer levá-lo de acompanhante em uma viagem internacional tem, agora, os caminhos facilitados. Desde 15 de novembro funciona, em caráter experimental, um sistema para emissão online do Certificado Veterinário Internacional (CVI), e, o que antes levava dias, mais dinheiro e trabalho, ficou mais simples.

Leia também:
Hotel de Cuiabá passa a aceitar hospedagem de cães e gatos com os donos

Atualmente, para levar um cachorro ou gato em viagem internacional, o passageiro precisa se deslocar com a documentação necessária para tirar o CVI a uma Unidade de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), localizadas em portos, aeroportos e postos de fronteira. Em seguida, os Auditores Fiscais Federais Agropecuários analisam as informações e emitem o Certificado de acordo com as exigências sanitárias do país de destino.

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), são emitidos mais de dez mil CVIs por ano, o que sobrecarrega os auditores e, consequentemente, deixa o processo mais lento. Apesar de o CVI ser gratuito, estima-se que o usuário gaste aproximadamente R$ 1.500,00 entre a busca de informações, vacinas e exames no animal, solicitação e entrega de documentos e finalmente a retirada do Certificado.

O novo sistema eletrônico foi criado em uma parceria entre o Mapa e o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. Agora, o passageiro realizar praticamente todos os procedimentos de forma eletrônica e sem sair de casa, por meio do do Portal de Serviços do Governo Federal, disponível AQUI.

A solicitação do documento é realizada através do envio eletrônico (upload) do Atestado de Saúde, comprovante de vacina e demais dados necessários conforme o país de destino. Os servidores do Mapa auditam as informações e, por meio de certificado digital, assinam eletronicamente o CVI. O cidadão recebe uma notificação por e-mail e pode imprimir o documento para viajar, sem a necessidade de se deslocar às Unidades do Vigiagro.
 
Ainda de acordo com o Mapa, essa mudança resultará em economia de mais de 30% para o usuário e o Mapa reduzirá de 200 Auditores Fiscais Federais Agropecuários – Médicos Veterinários - distribuídos em cerca de 80 Unidades do Vigiagro para 30 servidores em 10 unidades especializadas.

De início, os Certificados serão emitidos apenas nas viagens para os Estados Unidos, onde a Autoridade Veterinária Oficial poderá confirmar a autenticidade do documento através de um código verificador, mas em breve será ampliado para os países do Mercosul e da União Europeia, o que representa mais de 90% do trânsito internacional de cães e gatos.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Vanda
    23 Mai 2018 às 09:36

    Achei ótimo. Porque facilita mais isso ajuda de levar os animais junto com nós. Me sinto segura e dependo dos meus bichinhos junto comigo me deixa mais tranquila na viagem. Tenho 2 gatinhas e 1 cachorrinha. Não são trabalho nenhum ficam quietinhas.

  • Dona Jacira
    21 Abr 2018 às 03:50

    La vai os aviões tudo empesteado de carrapato e com barulhos se latidos. Vai parecer o ônibus que pego aqui pro meu pedra 90 em véspera de feriado. Cruz credo, ninguém merece.

Redes Sociais

Sitevip Internet