Olhar Conceito

Quarta-feira, 14 de abril de 2021

Notícias / Artes Cênicas

nudez

Após sucesso de público, 'Proibido para menores' será exibido no Cine Teatro

Da Redação - Isabela Mercuri

08 Mai 2018 - 14:57

Após sucesso de público, 'Proibido para menores' será exibido no Cine Teatro
O espetáculo ‘Proibido para Menores’, que estreou em janeiro no Espaço InCasa, volta a ser apresentado neste domingo (13). Desta vez, devido ao grande sucesso – da última vez, os ingressos se esgotaram quinze dias antes da apresentação – a peça será no Cine Teatro de Cuiabá.

Leia também:
Espetáculo baiano de dança e festa iniciam 'Palco Giratório' nesta quinta-feira

Dirigido por André D’Lucca, Eloá Pimenta e Wagton Douglas, e com preparação de elenco de Chris Fortuna, a peça tem cerca de 60 minutos de duração e em 98% do tempo os personagens estão pelados. A intenção é discutir o tabu da nudez na sociedade.

Serão apresentados nove monólogos, cada um com um foco diferente. Um deles é do próprio diretor, André D’Lucca, que vai falar sobre a sua primeira experiência do com o nu no teatro. Ele explica como foi a preparação, qual foi a reação, como foi a estreia, e qual a reação do público em perceber como é o tabu em sua cabeça e na do outro. André ficou nu no teatro pela primeira vez aos 36 anos, na peça “Aluga-se Negro 1,75, 80 kg, Malhado”, que estreou em julho e 2013, no Cine Teatro Cuiabá.
 
Além dele, cada um dos atores participantes traz um questionamento diferente ao público. Carlos André, por exemplo, traz um personagem que vai falar sobre padrões estéticos. Thaís Amorim aborda a sexualização do corpo feminino, Wagton Douglas conta a história e trajetória do nu, Xico Macedo revela o pecado da nudez enquanto demônio, Wesley Oliveira aborda a sexualização do corpo negro e a adulteração dos corpos com piercings e tatuagens. Ariane Cury, que é travesti, fala sobre o corpo da mulher transexual, enquanto Eloá Pimenta interpreta duas personagens em conflito com o espelho: uma é bem resolvida com o corpo, e a outra leva em consideração a forma como as outras pessoas a enxergam.
 
‘Proibido para menores’ é diferente dos outros projetos do InCasa: “Este é um projeto totalmente diferente dos que acontecem na escola, porque a escola funciona assim: as pessoas me procuram e eu não seleciono se elas têm experiência ou não, se têm talento ou não. Então eu aceito e o Espaço Incasa acolhe. Sendo assim todos os projetos têm pessoas misturadas entre as que tem experiência e não. Mas artisticamente todas elas conseguem desenvolver o lado ator delas. Porém no “Proibido Para Menores” eu selecionei os atores. Eles não estão aqui enquanto alunos. Eu escolhi 10 atores que já passaram pela escola e tiveram destaque e oito deles toparam o desafio”, explica D’Lucca.

Os ingressos para a apresentação estão à venda no Guichê Web, e custam R$40 (inteira) e R$20 (meia). Mais informações para a compra de ingresso pelo telefone (65) 2129-3848e, para as inscrições das oficinas de teatro pelo contato (65) 99292-9907.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet