Olhar Conceito

Sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Notícias / Treinador Gil Melo

Treinador Gil Melo explica: o que é e para que serve a 'falha'?

Treinador Gil Melo

29 Mai 2018 - 11:07

Treinador Gil Melo explica: o que é e para que serve a 'falha'?
A ciência vem mostrando que para quem busca a hipertrofia, o fundamental é atingir a falha momentânea de contração concêntrica, ou seja, atingir o máximo de potencial contrátil naquele dado momento.

Leia também:
Treinador Gil Melo explica: o que é e para que serve o treinamento submáximo?

Desta maneira, temos a certeza de estar esgotando as fibras e os substratos energéticos naquele momento. Mas basicamente,a falha concêntrica é o momento onde você não consegue mais vencer a carga no exercício em questão.

Porém, muitas pessoas me perguntam se devem usar a falha concêntrica em todo o treino, se devem intercalar com outros exercícios e qual o tempo de recuperação entre as séries.

Isso é muito mais complexo do que parece, meu intuito é mostrar que existem várias formas de usar a falha concêntrica e que cada uma delas, depende de fatores individuais.

Comecei a treinar a pouco tempo, devo usar a falha concêntrica em meu treino?

Acredito que não seja o ideal. Segundo Weineck (2000) pessoas iniciantes no treinamento de força, precisam de mais volume do que intensidade, para que haja a melhora da coordenação e da resistência muscular específica.

O ideal é um treinamento bem montado, focado na melhora da resistência e da força máxima, para depois usar a falha concêntrica.

Somente se você for uma pessoa bem treinada. Um treino inteiramente feito com as séries até a falha concêntrica pode ser muito intenso para pessoas que não estejam preparadas. Por isso, no caso de intermediários, o ideal é utilizar somente uma ou duas séries até a falha concêntrica. Mas é lógico que isso vai variar de caso para caso.
métodos que utilizem a falha concêntrica como base, tem excelentes resultados para pessoas que buscam a eliminação de gordura. Isso porque, ao impormos a nossos músculos um treino intenso, onde ocorram microlesões nas células musculares, teremos um processo adaptativo aumentado, que vai aumentar os gastos metabólicos.
Com isso, somado a uma alimentação equilibrada, teremos um maior gasto das células adiposas.

O que devemos ter sempre em mente é que mesmo nas repetições que antecedem a falha concêntrica, precisamos manter a qualidade do movimento, para que não hajam maiores problemas, como lesões.

 *Gil Melo é Treinador e proprietário da Academia AFC, em Cuiabá.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Raquel
    29 Mai 2018 às 13:35

    Gratidão pela instrução, com esclarecimento vamos em frente com foco é resultado

Redes Sociais

Sitevip Internet