Olhar Conceito

Domingo, 17 de outubro de 2021

Notícias / Turismo

jaciara

Thermas Cachoeira da Fumaça não vai retomar atividades por questões financeiras

Da Redação - Isabela Mercuri

07 Ago 2018 - 15:05

Foto: Reprodução/Internet

Thermas Cachoeira da Fumaça não vai retomar atividades por questões financeiras
O Balneário Thermas Cachoeira da Fumaça publicou, no início da tarde desta terça-feira (7), uma nota afirmando que não vai retomar as atividades. O empreendimento foi fechado em março deste ano, após determinação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), e, mesmo com condições legais para reabertura, não o fará, por questões ‘trabalhistas, econômicas e financeiras’.

Leia também:
Usina responsável por poluição de rio em Jaciara é multada em R$ 5,7 milhões

Na Nota de Esclarecimento, os proprietários ainda afirmam que “o arrendamento do imóvel onde funcionava o balneário foi encerrado, já tendo o mesmo sido devolvido ao seu proprietário”, e “a administração do Balneário Thermas Cachoeira da Fumaça, composta por empresárias nascidas em Jaciara, com fortes vínculos com a comunidade local, agradece a todos os clientes, fornecedores, colaboradores e parceiros”.

O Balneário foi fechado no dia 9 de março de 2018, junto a outros da cidade, porque o DNPM entendeu que faziam uso do subsolo sem autorização. No final de julho, o rompimento de uma das bacias de contenção de vinhaça da Usina Porto causou a poluição do Rio Tenente Amaral, um dos mais importantes da região, causando também o impedimento de banho nestas águas.

O Balneário Thermas Cachoeira da Fumaça funcionava há quinze anos, e possuía piscina natural, piscinas artificiais adulto e criança, espaço para descanso com redes, restaurante e acesso à cachoeira.

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet