Olhar Conceito

Terça-feira, 01 de dezembro de 2020

Notícias / Artes visuais

Fotógrafa vende ensaios para ajudar a pagar tratamento de Hya Girotto

Da Redação - Isabela Mercuri

28 Dez 2018 - 15:07

Foto: Instagram / Reprodução

Hya Girotto

Hya Girotto

A fotógrafa cuiabana Isabela Ramalho encontrou uma forma de usar seu próprio trabalho para ajudar o próximo. A partir do próximo dia 10 de janeiro, todos os ensaios simples que fizer terão o lucro arrecadado encaminhado para o pós-tratamento e medicamentos de Hya Girotto, vítima de um atropelamento que aconteceu na madrugada do último domingo (23) em Cuiabá.

Leia também:
Amigos fazem vaquinha para ajudar jovem atropelada e irmão aponta risco de amputação

Isabela, que fotografa profissionalmente há 9 meses, mas tem sua câmera e tira fotos de amigos há um ano e meio, não conhecia Hya pessoalmente. Seu irmão que é amigo da garota, e, por isso, ela se solidarizou.

“Farei ensaios simples pelo valor de 50,00 a partir do dia 10 de janeiro, e todo o dinheiro que for arrecadado será redirecionado para o pós-tratamento da Hya, como fisioterapia e medicamentos”, contou ao Olhar Conceito. “Farei também ensaios com truque de make, que é uma maquiagem básica, caso a pessoa queira, pelo valor de 20 reais adicionais”.

Entenda o caso
 
Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, 33, atropelou três pessoas às 5h50 da manhã do último dia 23, na Avenida Isaac Póvoas, a poucos metros da faixa de pedestre, em frente à Valley Pub. Ela passou por audiência de custódia na última segunda-feira (24), pagou R$ 9,5 mil de fiança e foi liberada.
 
Professora substituta da Universidade Federal de Mato Grosso, Rafaela dirigia uma caminhonete Renault Oroch. O atropelamento aconteceu no momento em que o público deixava a casa noturna. De acordo com testemunhas da colisão, o veículo estava em alta velocidade quando colidiu com o trio. Além de bater nas três vítimas, o carro conduzido por Rafaela ainda se chocou com um Gol.
 
O carro só foi parar após o semáforo. Imagens registradas por testemunhas e pela Polícia Civil revelam o estado em que ficou o carro após a colisão. Equipes de resgate não conseguiram salvar Myllena de Lacerda Inocencio, mas regataram as outras duas vítimas.
 
Hya Girotto Santos foi encaminhada para o Pronto-socorro de Cuiabá. Ramon Alcides Viveiros foi transferido para o hospital particular Amecor para passar por uma cirurgia.
As amigas de Hya se mobilizaram e criaram uma vaquinha para ajudar a custear o tratamento. A iniciativa foi delas, mas as doações estão sendo feitas na conta da mãe de Hya. Leandro, no entanto, afirma que no momento sua irmã está recebendo a assistência que precisa, mas as doações poderão ajudar futuramente, caso Hya necessite ser submetida à fisioterapia ou precise de algum aparelho para auxiliar sua recuperação.

Como ajudar

As doações estão sendo feitas em uma conta da Caixa Econômica Federal, Agência: 2985, Conta: 00011364-0,Operação: 013, CPF: 473.956.051-87, Edna Maria Girotto.

Serviço

Isabela Ramalho
Telefone: (65) 99955-5294
INSTAGRAM

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet