Olhar Conceito

Sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Notícias / Cuiabá 300 anos

aniversário

Cuiabá será homenageada por seus 300 anos em sessão solene no Senado Federal

Da Redação - Isabela Mercuri

21 Fev 2019 - 09:11

Foto: Rogério Florentino Perreira/ Olhar Direto

Pedido foi do senador Wellington e deputado federal Emanuel Pinheiro Neto

Pedido foi do senador Wellington e deputado federal Emanuel Pinheiro Neto

O aniversário de 300 anos de Cuiabá ganhará uma sessão solene de comemoração no plenário do Senado Federal, no próximo dia 5 de abril, sexta-feira. O requerimento pra a sessão foi apresentado pelo senador Wellington Fagundes (PR-MT), líder do Bloco Parlamentar Vanguarda, e pelo deputado federal Emanuel Pinheiro Neto (PTB-MT).



Leia também:
Cuiabá recebe maior evento de capoeira do Centro-Oeste com 300 pessoas tocando berimbau
 
"Cuiabá tem uma rica história, com belezas naturais incríveis, um povo bonito e trabalhador. E ao completar 300 anos, assume o perfil de cidade moderna, com uma população de mais de 600 mil habitantes. É centro político, administrativo, econômico e de serviços do Estado", afirmou Wellington ao apresentar o requerimento.
 
Cuiabá foi fundada no dia 8 de abril de 1719. Segundo Wellington, sua posição geograficamente estratégica, no centro da América Latina, aumenta as condições de avançar ainda mais no desenvolvimento econômico e social. "Cuiabá reúne todas as possibilidades de se transformar em um grande polo comercial com países como Bolívia, Paraguai a região central do Chile e o próprio Peru, sediando realizações como encontros de negócios, seminários, turismo, entre outros".
 
Fagundes e Emanuel, no requerimento apresentado, afirmam que Cuiabá deve receber projetos de infraestrutura que contribuirão para esse novo perfil, como a revitalização do Mercado do Porto, inspirado no Mercado Municipal de São Paulo, a construção de parques, e o Cais do Porto. "Mas é preciso manter vivas as tradições, seu patrimônio histórico e cultural tão fundamentais para a formação da identidade deste povo", acrescentaram.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet