Olhar Conceito

Quinta-feira, 02 de julho de 2020

Notícias / Tecnologia

Servidora do estado cria Startup que ajuda pais a encontrarem babás para seus filhos

Da Redação - Isabela Mercuri

09 Mar 2019 - 08:20

Foto: Reprodução

Servidora do estado cria Startup que ajuda pais a encontrarem babás para seus filhos
Da necessidade, veio uma ideia. Foi assim que, em agosto de 2018, a servidora da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secitec), Lecticia Figueiredo, participando de um evento de empreendedorismo, teve a ideia de criar sua própria Startup, a ‘Q.I. Babá’. Hoje em funcionamento em Cuiabá, Várzea Grande e Sinop, a empresa liga pais que precisam de babás a babás que precisam trabalhar, tudo isso indicando dados referenciais de cada profissional, como informações pessoais, histórico de pesquisa de satisfação e entrevista de validação.

Leia também:
Cuiabanos criam ‘computador virtual’ que cabe na palma da mão e promete segurança, eficiência e sustentabilidade

Lecticia contou que, durante o evento fatídico, uma menina chamada Maria Clara, de 10 anos, subiu no palco e disse “A minha mãe sempre quer sair e não tem com quem me deixar, alguém me ajuda resolver esse problema”? Foi aí que surgiu a ideia de criar a startup. “Quando nossos filhos nascem, esquecemos de nós. Porque a partir dali tudo gira em torno deles. Ficamos assim, por um longo período, só que precisamos também de um tempo para nós. Foi aí que vi a oportunidade de transformar o problema em solução”, conta ela, que também tem uma filha de cinco anos, e sempre precisa de babá.

Para colocar o projeto em prática, ela se uniu a outras sete pessoas. “Conseguimos fazer a validação fechando dois negócios durante o evento, o que resultou em 1º lugar no Startup Weekend Sinop”, lembra.

Após o evento, o grupo começou a fazer os planejamentos para inserir a startup no mercado. Para isso, tiveram monitorias jurídicas e de marketing. “Temos que fazer muitas videoconferências, porque os membros são de Cuiabá, Sinop e Tangará da Serra, por isso utilizamos essa ferramenta para nos comunicar”, afirma. 

Em dois meses funcionando, a startup já tem 30 babás cadastradas e já atendeu a 16 chamados. Os serviços estão disponíveis nas redes sociais @qibababrasil, e é só acessar o chat e escolher as opções. Também é possível ligar para: (65) 99955-4577; ou solicitar os serviços por e-mail: contato@qibaba.co.

É necessário que os pais preencham o cadastro uma única vez e o pagamento é feito online. Os atendimentos estão sendo feitos em Cuiabá, Várzea Grande e Sinop. Juliana Gonzalez, sócia-fundadora da Q.I Babá, afirma que as profissionais passam por um processo seletivo rigoroso para fazer parte da rede. “Após o atendimento as babás são avaliadas e está avaliação fica disponível para outros pais também. Mais do que isso, o projeto permite chamar babás para crianças de seis meses até 16 anos”.

10 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Matilde
    10 Mar 2019 às 06:03

    Para de ser invejosa Valéria Ribeiro e vá produzir você. Inveja por não ser servidora pública e também por viver no ostracismo. É só correr atrás. Mas isso é difícil neh. Melhor criticar os outros.

  • resposta à valeria ribeiro
    09 Mar 2019 às 18:54

    Minha querida, Servidor Público pode realizar qualquer tipo de trabalho fora do seu ambiente. Outra coisa é que vc n sabe como funciona ou quem a auxilia. E pelo jeito vc n é mãe ou é e tem tempo de sobra, pq isso é um grande auxílio! Recolha-se e coloque-se no seu lugar.

  • Rocha
    09 Mar 2019 às 18:34

    Complicado contratar uma pessoa por startup ... qual o grau de confiança de essa pessoa ??

  • Maria Helena
    09 Mar 2019 às 18:03

    Tem que produzir no serviço público onde, com nossos impostos altos, sustentamos seu alto salário.

  • Gui
    09 Mar 2019 às 15:00

    Parabéns linda pela sua iniciativa . Sucesso

  • Patrícia
    09 Mar 2019 às 13:44

    Parabéns Letícia. Você é muito competente em tudo que faz.

  • Maria
    09 Mar 2019 às 13:36

    Encontrar eu encontro sozinha só não consigo é pagar hehe

  • Valeria Ribeiro
    09 Mar 2019 às 12:24

    Tem que produzir mais no serviço e não essas frivolidades . Servidor público ganha muito e trabalha pouco.

  • Benedito de Araújo Gomes
    09 Mar 2019 às 11:23

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • la
    09 Mar 2019 às 08:55

    fantástico! Estou fora do mercado de trabalho e um dos motivos é não achar alguém de confiança para cuidar do filho! Muitas mães não indicam a babá que tiveram por receio ou se tem não indicam para não perder a disponibilidade da babá. Atualmente muitas avós ainda estão no mercado de trabalho o que impossibilita de deixar com elas.

Redes Sociais

Sitevip Internet