Olhar Conceito

Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Notícias / Saúde e Beleza

nutri soft skin

Procedimento que utiliza fio de seda ajuda na hidratação da pele no tempo seco

Da Redação - Isabela Mercuri

02 Set 2019 - 11:00

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Procedimento que utiliza fio de seda ajuda na hidratação da pele no tempo seco
Quando se fala em estética, a primeira ideia que vem a cabeça de muita gente é que os procedimentos são caríssimos e inalcançáveis. No entanto, existem algumas técnicas mais acessíveis, e ideais para momentos de seca – como o que os mato-grossenses passam – para manter a pele hidratada e nutrida. Um deles é o ‘nutri soft skin’, que utiliza o fio do casulo do bicho da seda e uma série de outros produtos. Uma sessão deste tratamento custa em média R$150.

Leia também:
Método de drenagem linfática Joana Medrado promete resultado imediato com perda de medidas no mesmo dia

Em Cuiabá a fisioterapeuta e especialista em terapia manual (com cursos na área de estética, drenagem e pós operatório) Mariana Jacarandá realiza este trabalho na Clínica Luvitté. “É um procedimento hidratante e revitalizante, que pode ser realizado antes de qualquer laser ou procedimento agressivo, para preparar a pele, mas também nesta época do ano, em que a pele fica muito seca”, explica.



Segundo Mariana, no ‘nutri soft skin’ é realizado um protocolo com alguns produtos, dentre eles o fio do casulo do bicho da seda, que é rico em aminoácidos e ajuda a revitalizar, hidratar e suavizar as linhas finas do rosto. Ele não tem contraindicação, e a ‘receita’ muda de acordo com o que cada pele precisa.  

Em uma pele seca, o procedimento começa com um sabonete à base de ácido glicólico, para preparar a pele e tirar a camada de células mortas. Logo depois, a profissional aplica um esfoliante à base de sílica de bambu, também para retirar as impurezas, que deve ficar na pele por cerca de cinco minutos, antes de ser retirado com água.

Após este passo, é aplicado um creme hidratante e, então, os fios do casulo do bicho da seda. “Colocamos o fio da seda e o creme hidratante, com loção ativadora, e vamos massageando até a pele absorver todo o fio”, explica Mariana. O fio se desintegra até ser totalmente absorvido.



A próxima etapa é passar um óleo e fazer uma ionização. Para isso, usa-se um aparelho com polaridade contrária à do produto que está na pele, o que ajuda a torná-lo absorvível. A finalização é feita com uma máscara também de ácido glicólico, que ajuda a remover células mortas e a revitalizar o tônus da pele. Pode-se colocar uma máscara de LED por cima, para potencializar a ação da máscara que está por baixo.

Caso a paciente vá fazer algum procedimento, o ‘nutri soft skin’ termina por aqui. Se ela for embora, Mariana ainda passa um protetor solar. O procedimento dura cerca de 40 minutos, e a frequência depende do tipo de pele. “Se está muito ressecada,  o ideal é uma vez a cada 15 dias, com 3 a 4 sessões no total. Se já for uma pele hidratada que só vai preparar para o laser, só é necessária uma sessão, antes do laser”, explica.

Serviço

Mariana atende na clinica Luvittê, na Rua Castelo Branco, 689, Bairro Quilombo. Para agendar um horário basta ligar para o telefone: (65) 2127-9799 ou através do Instagram. Mariana atende tanto na clínica quanto a domicilio e as sessões são vendidas individualmente e através de pacotes com desconto. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet