Olhar Conceito

Notícias / Política Cultural

Governo divulga resultado final dos selecionados para edital que pagará R$900 mil

Da Redação - Isabela Mercuri

18 Set 2019 - 08:19

Foto: da Assessoria

Grupo de siriri 'Flor do Atalaia' foi um dos selecionados no edital

Grupo de siriri 'Flor do Atalaia' foi um dos selecionados no edital

A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) publicou nesta terça-feira (17), no Diário Oficial, a lista dos selecionados, classificados e desclassificados para o edital ‘Rede de Pontos de Cultura da Política Nacional de Cultura Viva no Estado de Mato Grosso’. Ao todo, 30 instituições receberão, juntas, R$900 mil para o desenvolvimento de projetos culturais no estado.

Leia também:
Projetos sociais de Cuiabá e VG podem receber R$ 160 mil do instituto MRV

Uma lista preliminar havia sido divulgada no início do mês. No entanto, ainda cabia recursos para as entidades não contempladas. No total, o edital recebeu 94 inscrições, e a seleção foi feita por meio de documentos. Era necessário comprovar experiência em projetos culturais desenvolvidos para melhorar o acesso à cultura nas comunidades.

O edital foi lançado em maio pela secretaria, e os recursos financeiros são provenientes da Política Nacional de Cultura Viva. Os projetos são de diferentes áreas, como teatro, música, tradições, folclore, territórios, memória, indígenas, patrimônio, bibliotecas, inclusão social, gênero e outras.

Dentre os selecionados, 60% serão desenvolvidos no interior de Mato Grosso, visando à garantia do acesso a todos os territórios do Estado. Os 40% restantes são da região metropolitana do Vale do Rio Cuiabá (Cuiabá, Várzea Grande, Nossa Senhora do Livramento, Santo Antônio de Leverger, Acorizal e Chapada dos Guimarães).

A ideia, de acordo com a assessoria, é de levar as iniciativas aos municípios e, assim, garantir o acesso de bens e serviços culturais para as diferentes regiões do Estado, principalmente para segmentos e populações carentes de bens e serviços culturais.

A Rede de Pontos de Cultura de Mato Grosso começou em 2009, por meio de convênio com o Ministério da Cultura. Aproximadamente 30 municípios mato-grossenses são atendidos hoje pelos projetos contemplados em editais de 2009 e 2016, além dos Pontos de Cultura que aderiram à rede de forma voluntária conforme prevê a Lei da Política Nacional de Cultura Viva.

Veja o resultado AQUI.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Redes Sociais

Sitevip Internet