Olhar Conceito

Domingo, 27 de setembro de 2020

Notícias / Política Cultural

Secretaria lança edital de ‘cultura online’ com cachês de R$1200 a R$2 mil para artistas

Da Redação - Isabela Mercuri

17 Abr 2020 - 14:11

Foto: Divulgação

Secretaria lança edital de ‘cultura online’ com cachês de R$1200 a R$2 mil para artistas
A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) lançou na última quarta-feira (15) o edital ‘Festival Cultura em Casa’. A intenção é contratar 170 ações e projetos de profissionais da cultura a serem exibidos online. Os cachês variam de R$1200 a R$2 mil, e o valor total do investimento será de R$300 mil.

Leia também:
Malcom adere ao 'Brinde do Bem' e dará brindes exclusivos a clientes que comprarem vouchers

Dentre as ações a serem contratadas estão apresentações artísticas, exibição de obras de cinema, debates, oficinas e palestras, que serão transmitidas pela internet. O lançamento aconteceu por meio de uma transmissão ao vivo pelas redes sociais da Secel e da primeira-dama Virginia Mendes, direto do Cine Teatro Cuiabá. Participaram o secretário Allan Kardec Benitez, o adjunto de Cultura José Paulo Traven e comadre Nhara, personagem cuiabana de André D’Lucca.

"Com a quarentena, quem está em casa assiste filme, ouve música, lê um livro, trabalha e estuda pela internet. E a Secel vai fomentar a economia da cultura a partir da casa do cidadão. Neste momento de crise, os profissionais da cultura estão passando dificuldades, e o edital será uma fonte de renda. De outro lado, quem está em casa poderá conhecer e curtir o trabalho dos artistas mato-grossenses", destacou o secretário durante o lançamento.

No total, o Festival vai beneficiar 300 profissionais da cultura, com a contratação de 170 ações. "O objetivo deste edital é proporcionar trabalho e renda para artistas, produtores e agentes culturais, enfim, trabalhadores da cultura que hoje estão sem renda em função da pandemia. É papel da Secel fomentar o trabalho desses profissionais, proporcionando uma nova forma de apresentar o trabalho deles pelas redes sociais", explica Paulo Traven.

O edital também prevê a contratação de um produtor cultural para trabalhar no Festival e um comunicador para fazer o trabalho gráfico e dar suporte técnico nas transmissões ao vivo pelas redes sociais.  

A partir de agora, toda quarta-feira haverá uma nova apresentação cultural online em parceria com artistas mato-grossenses. Na próxima quarta (22) será transmitido nas redes sociais o show em comemoração aos 25 anos do trio Pescuma, Henrique e Claudinho.

Ações paralelas

Além do Festival Cultura em Casa, a Secretaria também vai promover outras ações paralelas para fomento da cadeia produtiva da cultura, como a venda de ingressos solidários, o estímulo à contratação de serviços de artistas para serem prestados pós isolamento social e a entrega do Certificado Amigos da Cultura para pessoas físicas e jurídicas que contribuírem com o programa.

Durante a realização do Festival, a Secel e os profissionais da cultura contratados irão divulgar a campanha Vem Ser Mais Solidário, que arrecada de alimentos, itens de higiene e limpeza para a população prejudicada pela pandemia do coronavírus. A campanha é coordenada pela primeira-dama Vírginia Mendes, por meio da Unidade de Ações e Atenção à Família (Unaf), e a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

Inscrições

As inscrições ficam abertas até quarta-feira (22), e podem ser feitas pela internet. O candidato deverá acessar o site cultura.mt.gov.br/editais - Festival Cultura em Casa - preencher e enviar o formulário de inscrição. Os demais documentos deverão ser enviados ao email spc@secel.mt.gov.br ou no ato da contratação.

Outra opção é fazer a inscrição via correios e/ou protocolo da Secel, das 8h às 12h, apresentando todos os documentos exigidos pelo edital. 

Para participar, o candidato deverá residir em Mato Grosso, ser trabalhador da cultura e viver exclusivamente da renda do trabalho artístico e cultural. Não poderá ter vínculo empregatício ou contrato contínuo de trabalho vigente, nem receber pensão, aposentadoria, seguro-desemprego ou auxílio do Programa de Transferência de Renda Federal (excetos Bolsa Família e Auxílio Emergencial Coronavírus Covid-19).

Serviço

A Secel está localizada na Avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés), 510, bairro Duque de Caxias, Cuiabá-MT, CEP: 78043-300. O atendimento ao público para o edital será das 8h às 12h. Mais informações: spc@secel.mt.gov.br

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet