Olhar Conceito

Domingo, 20 de setembro de 2020

Notícias / Turismo

Após viajar até o Uruguai em motorhome, cuiabanos rifam Kombi: "para que seja viável para outras pessoas"

Da Redação - Isabela Mercuri

05 Set 2020 - 14:08

Foto: Arquivo Pessoal

Após viajar até o Uruguai em motorhome, cuiabanos rifam Kombi:
Após viver diversas histórias e aventuras a bordo do motorhome na Kombi Laranjinha os cuiabanos Adriany Bulhões Corrêa da Costa, 29, e Gabriel Giovanella Ruiz, 26, decidiram rifá-la. A intenção é dar a oportunidade para quem vontade de ‘se jogar no mundo’, mas não tem condições de investir em um veículo como estes. Cada bilhete custa R$45, e o sorteio será realizado quando os mil números forem vendidos.

Leia também:
Casal pede demissão de emprego e passa dois anos viajando por 106 países; veja fotos 

Adriany e Gabriel eram namorados quando decidiram comprar a Kombi e equipá-la com um motorhome. “Na época tínhamos vários sonhos em comum, e um deles era essa vontade de viver a vida em uma outra lógica, tendo tempo para apreciar pequenas coisas e momentos, sem pressa, sem termos que cumprir com regras que não nos fazia sentido, sem ser necessário bater ponto em lugar nenhum, mas sim podendo viver conforme o tempo da natureza, da estrada e das nossas próprias vontades. Tivemos a chance de nos conhecer melhor enquanto casal e individualmente, perceber nossas próprias motivações de vida e criarmos um jeito nosso de ser no mundo”, contou Adriany ao Olhar Conceito.
 
Depois que compraram o carro, eles investiram tempo em dinheiro para transformá-lo no que queriam. Além da reforma, foi necessário modificar a documentação e adequação do veículo. Além do valor da Kombi, investiram cerca de R$ 15 mil em mecânica, peças, serviços de montagem, itens de viagem, documentação e taxas. “Foi um processo bem legal. É um sentimento único ver algo que você investiu tempo, ideias, dinheiro, trabalho, tomando forma e ficando como planejado, porque pesquisamos cada detalhe dela, desenhamos e criamos juntos como ficaria o interior, levamos em um marceneiro que nunca tinha feito um trabalho desses mas que mesmo assim embarcou nessa, foi aprendizado para ambos os lados e valeu muito a pena no final”, completa ela.
 
Depois de pronta, a “Laranjinha” levou o então casal para diversos lugares de Mato Grosso, como cachoeiras em Vila Bela da Santíssima Trindade, Dolina Milagrosa em Cáceres, vários lugares em Chapada dos Guimarães, Lagoa Azul em Primavera do Leste, Rondonópolis, Barra do Garças, dentre outros. A viagem mais longa foi até o Uruguai, e durou um mês. “Também [fomos] conhecendo cidades, praias, campings e atrativos turísticos pelo caminho nos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Goiás”, lembra Gabriel.
 
Neste mês, os dois colecionaram diversas histórias marcantes. Dentre elas, destacam-se algumas: “Foi maravilhoso ficar no Santa Tereza National Park, no Uruguai, que ficava em meio a floresta de um lado e mar de outro. Passar a virada do ano em Punta Del Este estacionados em frente ao Los Dedos... ter descoberto o Parque da Guarita em Torres; termos nos "hospedado" um lugar em Gramado onde ficavam várias casas trailers que pareciam tiradas de um filme; ter testado nossa Kombi na estrada de Cambará do Sul tentando ver os Cânions sem sucesso, enfim, até os perrengues foram valiosos, como todos os postos de gasolina que passamos a noite e todos os dias que tivemos que "tomar banho" de lencinho umedecido por não achar ducha”, conta Adriany.
 
Depois de tantas aventuras e aprendizados, o destino levou cada um para um lado e, com novos desejos e vontades, eles decidiram se desfazer da “Laranjinha”. No entanto, pensando em realizar o desejo de outras pessoas que tivessem este mesmo sonho de viajar e “se jogar no mundo com a própria casa”, optaram pela rifa. Assim, também receberiam um valor justo pela Kombi.
 
“Resumidamente, você escolhe seus números da sorte no site e após os 1000 números disponíveis se esgotarem (corre, que já foram 400!) o sorteio será realizado se baseado nos números da Loteria Federal”, explica Gabriel.
 
Boa ação
 
Além da rifa, os dois decidiram também fazer uma boa ação e fizeram uma parceria com o ‘Projeto Lunaar’, que cuida de cachorros e gatos abandoados. Para quem quiser ajudar a causa animal, basta, ao comprar seu número na rifa, avisar desta intenção. Assim, uma parte do valor será revertida para a causa.


Foto: Produtora Momentum (@momentum.mp4)

“Parte do valor de cada bilhete será destinado ao projeto para que eles destinem a alimentação, higiene, abrigo e cuidados aos animais resgatados. Ao confirmar a escolha do seu(s) numero(s), estará ajudando o projeto Lunaar e já pode sonhar com essa linda Kombi”, comemoram.


 
Serviço
 
Para mais informações do sorteio, características da Kombi e dúvidas, acesse o site ou instagram @rifakombihome
Dúvidas: (65)99206-2084
https://kombihome.rifa4.me/
https://www.instagram.com/rifakombihome/

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Ricky Morada do Ouro
    06 Set 2020 às 14:02

    Crianças passando fome e esses desocupados passeando...

  • Jasper Ottoni Amarilha
    05 Set 2020 às 22:45

    Olá! Achei complicadíssimo a forma de pagamento desse sorteio da Kombi motor home. Por quê não disponibilizar boleto?

  • Antônio
    05 Set 2020 às 20:17

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Menos sertanejo e mais rock and roll
    05 Set 2020 às 19:14

    Vou arrumar um motorhome também, conhecer o coração das coisas de perto, me apaixonar igual besta, por mil mulheres, fantasiar os amores mais loucos, beber vinho e dormir olhando as estrelas do céu e de minha cabeça, tudo ao som de rock and roll.

  • Lucas Morada do Ouro
    05 Set 2020 às 17:31

    Riquinhos desocupados

  • Ricardo A.
    05 Set 2020 às 17:24

    Ótima iniciativa!

  • Edivaldo Ribeiro
    05 Set 2020 às 15:23

    Coxinhas desocupados passeando enquanto 125 mil morreram de coronavirus. Sinto ânsia de vômito desse tipo de gente.

Redes Sociais

Sitevip Internet