Olhar Conceito

Sábado, 31 de outubro de 2020

Notícias / Comportamento

No Instagram, cantor Lucas Lucco fala que o calor "é grande" em Cuiabá; veja vídeos

Da Redação - José Lucas Salvani

08 Out 2020 - 10:37

Foto: Reprodução

No Instagram, cantor Lucas Lucco fala que o calor
No Instagram, o cantor Lucas Lucco questionou sobre o calor em Cuiabá nesta quarta-feira (7), via Stories (publicação que é deletada automaticamente em 24h). Em vídeo, o cantor relembrou sua passagem na capital mato-grossense e disse que o calor “é grande”. Na segunda-feira (5) e terça-feira (6), a cidade registrou 43ºC.

Leia mais:
Após calor histórico, chuva deve voltar a cair na próxima semana em Cuiabá

“Eu estou aqui em Minas Gerais, nesse calor absurdo, e estou pensando direto no pessoal de Cuiabá. Eu já fui muitas vezes em Cuiabá e lá o calor é grande. Como é que está aí, gente? Rio de Janeiro também que eu morei [é] calor absurdo. Aqui em Minas Gerais está com sensação de 40 ºC, imagina nesses estados como estão”.
 

O cantor já fez um show em Cuiabá em 2016. Atualmente, Lucas está promovendo o single “Saudade”, lançado em agosto de 2020. Dirigido por Fred Siqueira, o videoclipe conta já com mais de 3 milhões de visualizações. No YouTube, o cantor soma mais de 1,7 bilhão de visualizações com suas músicas e videoclipes.
 

Altas temperaturas

A capital mato-grossense registrou, na última segunda-feira e terça-feira (05 e 06), temperaturas na casa dos 43ºC, medidos na sombra. Na segunda-feira, os termômetros da estação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) marcaram a máxima de 43,1ºC, enquanto que na terça-feira a temperatura chegou a 43ºC. Nestes dois dias, a mínima registrada foi de 27,4ºC.

Desde o dia 24 de setembro Cuiabá tem registrado temperaturas acima dos 40ºC. A forte onda de calor fez o Inmet emitir um alerta de grande perigo, inclusive com risco de morte por hipertermia.

No dia 30 de setembro deste ano, a capital mato-grossense bateu os 44ºC na sombra, quebrando o recorde histórico desde que as medições começaram a ser feitas, em 1911.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet