Olhar Conceito

Domingo, 26 de setembro de 2021

Notícias / Gastronomia

ROTEIRO GASTRONÔMICO

Bangallô propõe “comida de vó” e sossego em espaço com decoração artesanal e sustentável

Especial para o Olhar Conceito - Thalita Araújo

29 Ago 2013 - 09:30

Foto: Thalita Araújo

Comidinha de vó!

Comidinha de vó!

Comfort Food está em alta. Não porque é moda, mas porque é necessidade de muitas pessoas que, em meio a tanta correria e estresse, procuram nas refeições um momento de sossego, tranquilidade e... comida caseira, com gostinho de “comida de vó”. Com a proposta de atender esse público é que surgiu o Bangallô.

O restaurante ocupa os espaços de uma casa antiga, com pelo menos 80 anos e um chão feito de belos ladrilhos hidráulicos, originais. Em contraponto, uma decoração moderna, ousada e bem particular, feita artesanalmente, através da reciclagem e reaproveitamento de móveis e materiais.

Deodoro Restaurante tem comida saborosa, leve e espaço acolhedor

Luminárias de copos descartáveis, vinis em paredes, cortinas de zíperes, tecidos fazendo as vezes de papel de parede, mesas e cadeiras reformadas... Em todo o restaurante há o toque artesanal, que acompanha, claro, o mesmo tom do coração da casa, a cozinha.

Daniela Matteucci é a proprietária do estabelecimento. Economista e bacharel em ciências contábeis, ela trabalhou por anos no setor administrativo de um restaurante, até que resolveu abrir o seu próprio. “Em toda minha vida profissional sempre comi fora de casa. E sempre senti falta de um lugar com comida caseira, com jeito de comida de casa”, contou Daniela ao Olhar Conceito.

Ela mesma é que cozinha, com a ajuda de sua mãe. A cada dia, uma opção diferente de prato executivo, que sempre leva uma boa porção de salada com ingredientes variados, arroz, feijão (caseiro, encorpado e bem temperado, com gosto de casa!), carne e mais algum acompanhamento.

Decorativos e versáteis, os cupcackes vieram para ficar; confira receita sabor Churros

A refeição custa R$ 13,80. O cardápio também traz diversas opções de sucos naturais, água, refrigerantes e todo dia uma ou mais opções de sobremesas, na mesma sintonia, como pudins, manjar, mousses, brigadeiro e outras opções simples e gostosas.

Serviços bancários e contábeis na hora do almoço e uma “sonequinha” de brinde

Um diferencial – inusitado – do Bangallô: enquanto o cliente come, pode pagar por alguns serviços como pagamento de contas, atualização de boletos, consulta ao SPC, cópias, impressões, emissão de guias, elaboração de contratos e outros serviços e bancários e contábeis.

Enquanto os serviços são feitos, o cliente come com tranquilidade e depois ainda tem um cantinho especial do restaurante idealizado para aquela “sonequinha” pós-almoço.

O Bangallô ainda expõe trabalhos diversos de artesanato para serem vendidos aos clientes, que também podem encomendar os produtos de sua preferência.

Daniela reforça: o lema do Bangallô é sentir-se em casa. A recepção dela e de seus pais ajuda nisso. O tempero caseiro da comida, ainda mais. O restaurante está localizado na Rua Bororós, 63 (no final da Avenida Mato Grosso, próximo ao Confrade). Telefone para informações e reservas: (65) 3321-6439.

                         

Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet