Olhar Conceito

Quarta-feira, 22 de setembro de 2021

Notícias / Artes visuais

para deficientes

Museu de Arte Sacra lança campanha de financiamento coletivo para fabricar peças em 3D

Especial para o Olhar Conceito - Michael Esquer

20 Jan 2021 - 08:20

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Museu de Arte Sacra lança campanha de financiamento coletivo para fabricar peças em 3D
O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso lançou na última terça-feira (19) uma campanha que pretende replicar as peças do acervo da instituição em 3D. O projeto, intitulado “Museu de Arte Sacra em 3D”, é realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) e tem como objetivo a arrecadação de recursos para a fabricação das principais obras do museu com a tecnologia de impressão em 3D. Também faz parte da finalidade da iniciativa, tornar possível e acessível a visitação de pessoas portadoras de deficiência visual, já que as obras poderão ser tocadas com as mãos.

Leia também:
Concurso premia 12 escritores e artistas visuais de MT por obras distópicas; veja como participar

A campanha de financiamento coletivo foi aprovada pelo Edital de patrimônio cultural do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES). O processo para a arrecadação é bem simples: a cada R$ 1,00 arrecadado, o BNDES investe mais R$ 2,00 triplicando o valor. Com essência do ganha-ganha, quem colabora recebe uma recompensa de acordo com o valor depositado. Existem diversos kits a partir de R$ 20,00. A meta é arrecadar R$ 42 mil para que esse valor automaticamente triplique.

Os recursos serão usados para compra dos materiais de fabricação, pagamento de equipe, prestadores de serviços, recompensas e custos administrativos. "O mecanismo é bem interessante, por que além de você colaborar com a iniciativa de fabricarmos um acervo tátil para pessoas com deficiência visual, ofertaremos também uma experiência sensorial completa no Museu para o público, principalmente as crianças, que adoram ver tudo com as mãos", explica a diretora do museu, Viviene Lozi. 

A produção das obras em 3D será realizado no Laboratório de Arquitetura e Urbanismo (LAB.AU/FABLAB) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), que irá trabalhar com diversas ferramentas contemporâneas, incluindo as impressoras. "Acredito que a sociedade mato-grossense será sensível a essa campanha que permitirá aos deficientes visuais conhecerem melhor uma parte muito importante da história de Cuiabá e de Mato Grosso", declara o professor Mauricio Oliveira, diretor do laboratório.

Para aqueles interessados em colaborar com o projeto, o processo consiste em acessar o site da Benfeitoria, uma plataforma segura de mobilização de recursos para projetos de impacto cultural e social, cadastrar-se e escolher o valor. O endereço é  benfeitoria.com/museudeartesacra3d

Serviço

A campanha prossegue até o dia 25 de fevereiro.
Mais informações: 65 3056-1373 ou (65) 99965-0319 (whatsApp)
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet