Olhar Conceito

Notícias / Cinema

Festival exibe obras audiovisuais indígenas e traz influencers para debater etnomídia

Da Redação - José Lucas Salvani

03 Fev 2021 - 16:00

Foto: Reprodução

Festival exibe obras audiovisuais indígenas e traz influencers para debater etnomídia
A segunda edição do Festival Etnomídia Indígena irá exibir obras audiovisuais indígenas via streaming e presencialmente em aldeias espalhadas por Mato Grosso na primeira semana de março. Além da exibição de produções indígenas, a mostra também traz influencers indígenas para debater sobre etnomídia e entidades virtualizadas.

Leia mais:
Cineasta de MT estreia filme em festival europeu; assista à entrevista

As produções são exibidas no YouTube, site e Facebook do evento, e permanecerão disponíveis durante 15 dias. As obras também serão projetadas em três aldeias de Mato Grosso: Vila Barbecho, do povo Chiquitano, na Aldeia Umutina, do povo Umutina-Balatiponé, e na Aldeia Merure, do povo Boe-Bororo.

Durante a semana do evento, estão previstos debates sobre etnomídia indígena e das entidades virtualizadas, com a presença de influencers de Mato Grosso e outros estados brasileiros. Entre os confirmados, há o jovem Cristina Wairu, que possui mais de 20 mil seguidores, o líder Ailton Krenak, a escritora Eliane Potiguara e a ativista Watatakalu Yawalapiti do Parque Nacional do Xingu.

Nos bastidores, 70% das pessoas envolvidas na realização do evento são indígenas. Para Naine Terena, que coordena o evento, isso aumenta a visibilidade da atuação dos mesmos em produção cultural e também contribui para a discussão acerca do mercado de trabalho para profissionais de comunidades tradicionais.

Oficinas

Previamente ao evento, entre os dias 22 e 26 de fevereiro, acontecerá uma oficina presencial com o tema “Video Maping e Ativismo”, com a socióloga e artista visual Luciana Ramin, mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Artes e Cênicas da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). A oficina será realizada no Palácio da Instrução, em Cuiabá.

Já entre 22 e 25 de fevereiro, a oficina "Construindo Público nas Redes Sociais” será totalmente online, via Google Meets. A oficina será ministrada por Lais Maxakali, indígena do povo Maxakali. Ela é bacharel e licenciada em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (USP).

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet