Olhar Conceito

Segunda-feira, 21 de junho de 2021

Notícias / Artes visuais

'ArteVivências'

Obras de Gervane de Paula compõem exposição do Rio de Janeiro

Da Redação - José Lucas Salvani

10 Jun 2021 - 15:55

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Obras de Gervane de Paula compõem exposição do Rio de Janeiro
As obras do artista cuiabano Gervane de Paula compõem a Exposição ArteVivências, organizada pelo Centro de Artes da Universidade Federal Fluminense (UFF), no Rio de Janeiro. Por conta da pandemia do novo coronavírus, a exposição é totalmente virtual. Confira aqui.

Leia também:
Karola Nunes lança novo videoclipe com ilustrações de Hugo Alberto na sexta-feira

Gervane representa a região Centro-Oeste na exposição. Além de suas obras, há também um depoimento do fotógrafo e artista visual, Fred Gustavos. “Ele não trata a arte como um evento miraculoso. Não faz como um artigo de luxo. Ele faz como uma necessidade. É o alimento dele: processar esses materiais e trazer em forma de arte”, afirmou.



A Exposição ArteVivências conta com produção e idealização de Aline Filgueira, Laura Pessoa e Mariana Cordeiro, estudantes do curso de Produção Cultural. Foram três meses de preparação da exposição virtual que homenageia também os veteranos Carmézia Emiliano (Roraima), Eustáquio Neves (Minas Gerais), Paulo Bruscky (Pernambuco) e Vera Chaves Barcellos (Rio Grande do Sul).

“O nome ArteVivências foi inspirado pelo termo ‘escrevivências’, criado pela escritora Conceição Evaristo. É importante ressaltar que as escrevivências de Conceição são geradas a partir de suas vivências, de suas memórias e de suas experiências como mulher negra. Ela escreve a partir do que vivenciou e do que viu e ouviu de seus iguais: Conceição não escreve só vivências individuais, mas coletivas, comuns a muitas pessoas negras. Aqui, em razão da natureza multi racial de nosso projeto, não seria possível manter essa face do conceito para com todos os artistas, então tomamos a liberdade de adaptá-lo e expandi-lo para uma compreensão de como seriam essas ‘artevivências’ dos homenageados a partir de seus locais de fala particulares”, explicam as idealizadoras.

Exposição em São Paulo

No início de 2021, Gervane expôs 70 cruzes no Museu de Arte Sacra de São Paulo, na capital. “Qual é sua Cruz?" conta com obras dele e de outros artistas do centro-oeste, como Adir Sodré, que contribuíram no projeto de Gervane.

“Essas obras fazem parte da coleção do Doutor Murillo Espínola, colecionador daqui de Cuiabá. O convite do museu [para expô-las] foi feito diretamente a ele”, explica Gervane ao Olhar Conceito. Ao contrário do nome dado em “Mundo Animal - Uma Provocação”, onde a instalação chamava-se “Sofram Comigo”, em São Paulo a exposição recebeu o nome de “Qual é a sua Cruz?”.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet