Olhar Conceito

Terça-feira, 27 de julho de 2021

Notícias / Gastronomia

Smoke Hamburgueria

Chef que já passou por restaurantes de renome em Cuiabá abre hamburgueria com esposa

Da Redação - José Lucas Salvani

19 Jun 2021 - 07:30

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Chef que já passou por restaurantes de renome em Cuiabá abre hamburgueria com esposa
Ao completar 25 anos, André Lucas Ferri, que trabalhava na Urus Steakhouse como chef, resolveu pedir as contas. Com um emprego estável, muitos podem pensar que André estaria fazendo uma loucura, mas tudo fazia parte de um plano estabelecido há muito tempo: ter um negócio próprio aos 25 anos. Apaixonado por hambúrguer defumado, ele se juntou com a esposa Natasha Costa Silva Ferri, de 29 anos, assim nasceu a Smoke Hamburgueria, localizado no Jardim das Palmeiras, região do Coxipó, em Cuiabá.

Leia também:
Cuiabana vira babá de gatos para custear cuidados de animais resgatados

A meta de ter um negócio aos 25 anos surgiu quando ainda tinha 19 e estava fazendo faculdade. Antes de inaugurar a Smoke, ele finalizou sua graduação em gastronomia, trabalhou em lugares como o Mahalo e Urus Steakhouse, onde trabalhou até novembro, quando decidiu pedir as contas.



A decisão de vender os hambúrgueres não foi da noite para o dia, tampouco foi uma novidade para o casal. No condomínio onde a mãe de Natasha morava, os dois já vendiam hambúrgueres para os condóminos sempre aos domingos, dia em que André tinha uma folga do trabalho. Na primeira vez em que venderam no condomínio, Natasha relembra atender quase 100 pessoas na casa de sua mãe.

Natasha, que também é arquiteta, explica ao Olhar Conceito que, assim como André, ela também sempre quis empreender. Antes mesmo de iniciar as vendas dos hambúrgueres no condomínio, ela já vendia doces e sobremesas lá. “Trabalhar para você mesmo, você pode até trabalhar mais, porém é muito mais glorificante. Toda realização e comemoração é por conta de seu mérito”, afirma.



O foco da Smoke é atendimento em delivery, mas ao longo do tempo as pessoas começaram a pedir para consumir no local. Natasha acredita que este pedido vindo do público é consequência do déficit de hamburguerias do porte da Smoke na região em que se localizam. No espaço, é possível atender cerca de oito pessoas simultâneamente.

“Depois de novembro, a gente começou a pensar como seria abrir o Smoke diariamente. Foi quando a gente começou a pesquisar um ponto e viu que aqui nessa região tinha um déficit. Não tem uma hamburgueria da ponte para cá. Tem muito pouco, quase não existe”, detalha André ao Olhar Conceito.



A Smoke trabalha com hambúrgueres defumados. No total, são sete sabores diferentes, todos com nome de animais, variando entre R$ 18 e R$ 28: Vira Lata Clássico, Pug Melt, Beagle Pesto, Bulldog Pork, Dálmata Joy, Pit Bull Crispy e Hotwailler. O mais pedido é o Pug Melt, que contém pão de brioche, burger de 160 g, queijo cheddar cremoso, cebola caramelizada, bacon e molho smoke.

“Não tem um negócio mirabolante. Eu tentei fazer o máximo possível um cardápio inteligente e simples, bem feito e defumado”, explica André. O cardápio, inclusive, foi feito durante uma viagem de avião, momentos antes de pousar em São Paulo.



Atualmente, a Smoke não trabalha com serviços de delivery, como iFood, Uber Eats e 99 Food, tanto apenas delivery próprio. A decisão parte de dois motivos. O primeiro é em relação às taxas cobradas pelos aplicativos, visto que teriam que aumentar o valor dos hambúrgueres para compensar. Já o segundo ponto é que, com uma entrega própria, os dois podem manter uma relação mais íntima com o cliente, podendo conhecê-lo melhor e receber diretamente feedbacks.

Stark, o “dono”

O símbolo da Smoke é um puggy, o Stark, cachorro de estimação do casal. Natasha conta que o animalzinho é um verdadeiro milagre, visto que André é alérgico, mas com ele não há problemas. O nome dado é em referência a Tony Stark, personagem da Marvel que morreu em “Vingadores: Ultimato”, filme lançado em 2019.

Serviço - Smoke Hamburgueria 

Avenida Nestor de Lara Pinto, Jardim das Palmeiras, Cuiabá
Terça a domingo, de 18h30 às 23h

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet