Olhar Conceito

Segunda-feira, 22 de abril de 2024

Notícias | Arquitetura, décor e design

IV EDIÇÃO

Mostra de arquitetura infantil, Baby Dreams House Decor traz tendências para quartos de bebês a partir desta quarta

Foto: Fellipe Lima

Mostra de arquitetura infantil, Baby Dreams House Decor traz tendências para quartos de bebês a partir desta quarta
Mais do que uma loja especializada em artigos para bebês, a Baby Dreams vende e concretiza sonhos para mães e pais que estão se preparando para a chegada de um filho. É pensando nisso que a Baby Dreams House Decor já está com tudo pronto para o lançamento da quarta edição da mostra de quartos infantis, no dia 28 de setembro, quarta-feira. Serão dez quartos, um espaço de atendimento e recepção, uma fachada e um jardim externo planejados por doze profissionais renomados da área da decoração com objetivo de explorar de forma única e criativa o universo encantador dos bebês, expondo com elegância, versatilidade e pessoalidade as mais novas tendências da arquitetura infantil.

Leia mais: 
Primeira mostra Baby Dreams traz principais tendências de decoração infantil

A primeira edição  foi idealizada, em 2015, pelas proprietárias Eliana Pugsley e sua filha, Mayra Prado e agora a quarta será aberta ao público no dia 29, quinta-feira.  Após notar o bom resultado de interação entre clientes e arquitetos que as três edições anteriores tiveram, Mayra planejou a quarta levando em conta, especialmente, o período pós-pandemia e os 30 anos do nascimento da Baby Dreams – que a cada biênio se propõe a lançar novas tendências de arquitetura, decoração e design para espaços infantis.



A ideia da mostra é trazer lançamentos, tanto do Brasil como as novidades de fora. “Então é isso: lançar tendências. E ainda mais especial, por ser os 30 anos da Baby Dreams. Está sendo um presente ainda maior. Além disso, é um setor que está crescendo muito eu acho que com a pandemia as pessoas tiveram um olhar maior para dentro de casa, pro conforto. Que acaba que é onde a gente passa maior parte do tempo. Ainda mais com um ser novo na família, merece ser ainda mais especial”, explicou Mayra.

As lojas que investem em decoração personalizada de seus artigos são uma nova disposição ao mercado. A proposta da exposição, então,  é facilitar a visualização para pais que sonham com a montagem do quarto do aguardado bebê, e ajudar nas inspirações para decoração. Além disso, valorizar o trabalho dos arquitetos regionais, que são minuciosamente selecionados para comporem o time de expositores.

“Nada é mais sutil e delicado do que proporcionar uma experiência para mãe. Quando a gestante entra na loja, ela tem inúmeras possibilidades de escolhas e de estilos, de profissionais que ela pode ter contato com quem vai se identificar mais. Muitas vezes a mãe entra na loja e tem uma ideia de “a, quero fazer um quarto todo moderno”. E aí no momento em que ela entra na mostra e começa a ter essa experiência de vivência de outras possibilidades, outros estilos, muitas vezes até ela muda de opção”, pontuou.

Os Profissionais

Nesta edição, o time montado para a Baby Dreams House Decor conta com Andressa Borsatto, Érika Queiroz, Karol Boaventura, Caroline Patrício, Ilana Santiago, Anderson Ribeiro, Isabela Coelho, Marcelo Pissurno, Sabrina Sinohara, Aline Luccini, Beatriz Biatto e Raynelle Nery
 
Carol Patrício participou a primeira vez da exposição apresentando o quarto de uma menina, no ambiente que foi chamado de “Quarto de Maria”. Um ano depois, ela engravidou e nasceu Maria. Mãe, ela montou o aposento da sua pequena e conseguiu sentir a experiência na pele. “Então hoje, no meu escritório, a gente desenvolve com muito carinho os projetos de bebês porque eu acho que consigo vivenciar um pouquinho mais desse lado maternal”.



Quando Maria completou um ano de idade, Carol decidiu tirá-la do berço e fez uma repaginação em seu quarto.  Diante da prática materna, apresentou à Mayra a opção de fazer um quarto kids para ser usufruído por mais de um ano.

“Aí falei para Mayra, é muito legal tirar o berço e montar o quarto de menininha. Ai hoje tem uma cama, bicama e um ambiente mais lúdico, porque hoje o bebê a gente coloca um ambiente mais calminho, pensa nos tons e toda atmosfera daquele local. Quando a criancinha cresce, ela já tem outras percepções. Então a gente incentivar esse lado lúdico delas, é uma prioridade”, explicou.

Com as prioridades que abraçam as responsabilidades maternais em prol do desenvolvimento lúdico dos filhos, Carol chega na quarta edição apresentando o Fairy Tail (Conto de Fadas), que vai contar com muita imaginação, cores, texturas e brilhos. “Tudo que essas mocinhas hoje querem. Acho que vai ser um quarto muito lúdico e eu tenho comigo que todas as menininhas que vão entrar no quarto vão desejar estar ali”.

O enxoval do Fairy Tail foi todo assinado pela Trusseau Petit, de 2 a 7 anos. “Não tem nenhuma linha melhor que a trusseau. Então ela vai acompanhar a criança até ela mudar de quarto, com uma cama de viúva, enfim... essa qualidade que é legal”, contou

Formada em Milão e premiada na França, Itália e Estados Unidos, Andressa Borsatto é especialista em interiores, mobiliário e Neuroarch. Ela chega na mostra propondo o quarto bosque “Flora Bee”. Ela e a artista plástica Rubi Reolon se uniram para criar toda a identidade visual do quarto, com muita personalização. “Nós adoramos fazer tudo muito bem pensado, e uma das coisas mais importantes para mim, é que os clientes se sintam personalizados”.



Detalhista, recheado de refinamento, pessoalidade e personalizado, o Flora Bee tem muito significado envolvido, envolto de sentido, especialmente inspirado no movimento Blossom – que presta homenagens à natureza florida e ao desejo de florescer.

“A pandemia ela trouxe essa sensibilização do estar em casa, do valorizar em casa e isso trouxe uma nova vertente que é o movimento Blosson, que a gente aprendeu mais sobre ele em Milão. Que resgata características do renascimento, da valorização da natureza, esse aspecto floral. E a gente trouxe isso pra dentro do nosso espaço através de uma interpretação de um bosque”.

“Também para representar tudo isso que a gente quis: um quarto romântico, com significado, que significa não só infância, mas também tudo que está acontecendo a nível mundial e o resultado, mesmo com tudo isso de significado, é charmoso, aconchegante, confortável e encantador”, acrescentou.
 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet