Olhar Conceito

Quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Notícias / Artes Cênicas

Espetáculo de dança traduz-se em uma 'coreopalestra' capaz de fazer rir

Da Redação - Lidiane Barros

18 Set 2013 - 09:27

Espetáculo de dança traduz-se em uma 'coreopalestra' capaz de fazer rir
A Aldeia Guaná segue em efervescência por esta semana no Sesc Arsenal, e traz na programação, um espetáculo com linguagem contemporânea, marcado pela pesquisa acerca das relações pessoais, comicidade e corporalidade. O grupo baiano Dimenti, é autor da proposta em que a dança extravasa o campo artístico e reflete as relações sociais. O resultado de tudo isso? Uma ‘coreopalestra’ que arranca boas risadas da plateia.

Projeto Guaná traz o frenesi da produção cultural para o público cuiabano

O espetáculo Tombé será encenado nesta quarta-feira, às 20 horas, no Teatro do Sesc Arsenal e a entrada é gratuita. Ainda que pautado pelo movimento, a obra está completamente voltada para o discurso, especialmente, no processo de aprendizado e na política que movimenta as relações de trabalho.

“Você já teve que inventar alguma teoria? Você já teve longas DRs com colegas de trabalho? Você já teve um chefe? Já participou de dinâmicas de grupo? Já perdeu o controle? Este espetáculo é para você”, instiga o grupo na síntese da obra. De acordo com os atores, “Tombé é uma coreopalestra que dubla discursos, movimentos e absurdos da arte e da vida”.

Depois deste, na quinta-feira (19), entra em cena o grupo mato-grossense Comadança,com espetáculo marcado pela poesia dos movimentos. Vai ser no Teatro, às 20 horas com entrada gratuita, mas permitida apenas, para maiores de 18 anos.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet