Olhar Conceito

Terça-feira, 23 de abril de 2024

Notícias | Política Cultural

veja programação

Dia Nacional do Patrimônio Histórico tem lançamento de revista e exibição de filmes em Cuiabá

Foto: Reprodução

Dia Nacional do Patrimônio Histórico tem lançamento de revista e exibição de filmes em Cuiabá
O Dia Nacional do Patrimônio Histórico, celebrado em 17 de agosto, é organizado em Cuiabá pelo grupo “Amigos do Centro Histórico de Cuiabá” em parceria com a “Associação Cuiabana de Cultura – Muxirum Cuiabano”. Neste ano, ganhou também o apoio da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. Entre 15 e 18 de agosto a programação de comemoração vai englobar aspectos do patrimônio material e imaterial.  

Leia também
Pão de queijo mineiro é produzido em Cuiabá por advogada com receita de três gerações


A mostra de filmes, sob a curadoria de Diego Baraldi e Thania Arruda, dá foco à produção em vídeo da cultura regional, no Cine Teatro Cuiabá. Destaque especial para o lançamento da “Revista Patrimônio Histórico Cultural Cuiabano” que versa sobre os imóveis preservados, com recursos estritamente dos seus proprietários. Outro destaque importante é o lançamento do documentário “Casarões Cuiabanos – Identidade, Amor e História”, produzido pela TV Assembleia Legislativa de Mato Grosso, sob a direção do jornalista Anderson Sartori.

Confira a programação completa:

Terça feira - 15 de agosto. 19h Cine Teatro Cuiabá

Centro Histórico Encontros com Cinema Sessão Realizador@s de Mato Grosso Patrimônio Material e Imaterial de Cuiabá Curadoria: Diego Baraldi e Thania Arruda Entrada gratuita Classificação indicativa: livre

P.S.: Glauber, te vejo em Cuiabá (Direção: Glória Albuês. MT. 1986. 15’)

Sinopse: Aproveitando a passagem da Mostra Tempo Glauber (promovida pelo Sesc em 1986 no Teatro da UFMT), os comediantes Liu Arruda (1957-1999) e Meire Pedroso percorrem espaços da cidade de Cuiabá e conversam com pessoas de diferentes extratos sociais e culturais sobre o grande cineasta, televisão, cinema e cultura brasileira. Além da presença saudosa de Dona Lúcia Rocha (mãe de Glauber), o curta faz uma crônica irreverente sobre a Cuiabá de meados da década de 1980 e a relação de seus habitantes com a cultura, em especial com a memória do cinema brasileiro.

Centro Histórico de Cuiabá (Direção: Bill Reino. MT. 2000. 13’)

Sinopse: Documentário produzido pelo IAB-MT, em parceria com diversas instituições que promoveram, no ano de 2000, o Concurso Nacional de Projetos Pró Centro Histórico de Cuiabá. A iniciativa teve a finalidade de instruir as equipes participantes do concurso sobre aspectos relacionados à história da formação do Centro Histórico de Cuiabá, o estado de preservação e a relação com o contexto urbano e social da época. O documentário tem roteiro de Antônio Copriva, com texto de narração produzido por Júlio De Lamonica Freire. A locução é de Gilberto Canavarros.

Arte aqui é mato (Direção: Márcio Moreira. MT. 2001. 14’)

Sinopse: A década de 1970 foi marcada pela efervescência das artes plásticas em Mato Grosso, estimulada principalmente pelo trabalho de duas grandes personalidades de notório reconhecimento no cenário das artes plásticas do país: Aline Figueiredo e Humberto Espíndola. O documentário contextualiza esse movimento nas artes plásticas em Mato Grosso e apresenta artistas e personalidades que até hoje desempenham papel fundamental no campo das artes visuais no Estado. Documentário integra série “Imagens da Terra”, com direção geral de Kátia Meirelles.

Resgate: quem está no Centro da América do Sul (fragmento de 7’) (Projeto e pesquisa: Wanda Marchetti. Direção: Luiz Marchetti. MT. 2007)

Sinopse: O documentário faz uso de animações, ilustrações, pinturas e som de eletro-folk para comentar dezoito depoimentos de professores, médicos, costureiras, poetas e comerciantes que hoje emprestam seus nomes a escolas, ruas e bairros de Cuiabá, contando, com sotaque forte e vocabulário local, passagens de suas vidas.

Tipos mato-grossenses: Maestro Bolinha (Direção: Leonardo Sant’Ana. MT. 2017. 10’)

Sinopse: Neste episódio da série “Tipos mato-grossenses”, conhecemos um dos personagens centrais da música produzida em Mato Grosso, o saxofonista João Batista de Jesus da Silva, o Bolinha. Filho de Mestre Albertino, Mestre Bolinha traz a música em seu DNA e marcou gerações com seu talento e simpatia. Paradiso de Aníbal (Direção: Diego Baraldi. MT. 2023. 20’) Sinopse: Aníbal Alencastro trabalhou em diferentes salas de cinema em Mato Grosso nas décadas de 1950 e 1960. No presente, ele se recorda de histórias relacionadas ao ofício de projecionista e faz um passeio de carro por fachadas de espaços que abrigaram salas de cinema de rua em Cuiabá.

Licor de Pequi (Direção: Marithê Azevedo. MT. 2016. 15’)

Sinopse: O filme tem poética construída a partir de três gerações de mulheres: uma senhora (Lúcia Palma) guarda a memória do lugar por meio de objetos que juntou durante a vida, mas está esquecendo as palavras; uma jovem poeta (Luana Costa) busca a palavra geradora para escrever seus poemas; já a menina (Flor Leite), em fase de alfabetização, descobre as palavras. Uma conta histórias, a outra escreve poemas, a terceira solta pipas. As três habitam o mesmo espaço urbano, o Centro Histórico da cidade de Cuiabá, com casas abandonadas, casas habitadas e casas restauradas, todas com camadas distintas de memória. Terça feira - 15 de agosto. 20h50 Foyer do Cine Teatro Cuiabá - Centro Histórico Lançamento da Revista ”PATRIMONIO HISTÓRICO E CULTURAL CUIABANO” Vol.1 Curadoria: Ernani Calhao, Thania Arruda e Paulo Crispin 

Quarta feira - 16 de agosto. 18h Casa Barão de Melgaço

Centro Histórico Carta pelo Patrimônio Histórico de Cuiabá: “Diretrizes para uma política de requalificação do patrimônio histórico tombado e seu entorno”. Coordenação: Associação Cuiabana de Cultura - Muxirum Cuiabano

Quinta feira - 17 de agosto. 19h Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros Assembleia Legislativa de Mato Grosso

SOLENIDADE COMEMORATIVA AO DIA NACIONAL DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO: Lançamento do Documentário “CASARÕES CUIABANOS - Identidade, Amor, História” Sessão de homenagens e “Moção de Aplauso” Confraternização Sexta feira - 18 de agosto. 16h Centro Histórico de Cuiabá Cerimonia de fixação das placas históricas, acompanhada pela Banda do Sr. Divino Sexta feira - 18 de agosto. À partir das 18 h Praça da Mandioca - Centro Histórico Circuito Artístico Cultural 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet