Olhar Conceito

Terça-feira, 11 de agosto de 2020

Notícias / TV

Regina Casé grava programa sobre a árvore Lixeira em Chapada dos Guimarães

Da Redação - Priscilla Silva

03 Mai 2013 - 09:20

Foto: Um pé de que?

Regina Casé grava programa sobre a árvore Lixeira em Chapada dos Guimarães
Uma das principais árvores do Cerrado que até empresta seu nome popular a um dos principais bairros de Cuiabá, a Lixeira é tema de um dos programas apresentado por Regina Casé, ‘Um pé de quê?’, exibido no canal TV Futura. Nativa da região centro-oeste, a Curatella americana – nome científico – é um exemplo de vegetação que resiste à ação do homem sobre as matas brasileiras.  A apresentadora esteve em Chapada dos Guimarães para produção do programa.

No programa, a apresentadora ressalta que a Lixeira é uma árvore que sempre soube enfrentar o fogo, mas a constante interferência do homem tem prejudicado outras espécies que nem mesmo foram conhecidas.

“A árvore lixeira sempre soube enfrentar o fogo. Ela é uma lutadora um símbolo da resistência, depois do fogo suas folhas são as primeira a aparecer bem verdinhas, elas brotam de novo e fazem sombra para outras espécies nascerem. O fogo no cerrado não acontece, mais em 10 em 10 anos como era pra ser o natural, mas a todo momento tem alguém botando fogo no cerrado”, relata Regina.

Cia Leite de Pedra e Flor Ribeirinha anunciam início da temporada "Palco Giratório" em cortejo cênico

A apresentadora continua o programa criticando a falta de cuidado do homem com o ecossistema. “A milhares de anos a paisagem do cerrado vem se modificando, as árvores se adaptando, mas com a interferência direta do homem e tanto fogo, muitas espécies não conseguiram sobreviver. Muitas foram extintas antes de serem descobertas. Dentre as mais de 1000 árvores típicas do cerrado apenas 30 encontramos em todos os lugares, a Lixeira é uma delas”, pontuou.

A Lixeira ocorre em solos pobres ou secos. Elas chegam a ter três a seis metros de altura e uma semente que lembra a de maracujá, envolta por um anilo branquinho doce.

O nome lixeira foi dado por causa das suas folhas, que são ásperas e duras que lembram uma lixa. A sua resistência ao fogo está em sua casaca que é dura e espessa que protege a seiva da planta, depois do fogo ela se solta.

Um pé de que?

A série com mais de 100 árvores retratadas, espécies de todos os biomas brasileiros. Além de apresentar aspectos morfológicos das plantas (pois um dos objetivos do programa é facilitar a identificação das espécies) o "Um Pé de Quê?" quer aproximar as árvores dos espectadores através da música, da culinária, da história, da tecnologia, da antropologia.

Tem o objetivo de trazer as árvores para o dia-a-dia das pessoas, revelar, por exemplo, o que a Carnaúba tem a ver com a maneira que nossos avós ouviam música, ou entender por que o pigmento vermelho do Pau-Brasil foi tão importante para a Europa do século XVI.

QUANDO VER:

Um Pé de Quê?
Quartas-feiras, às 21h (horários de MT)
Reprises: Quintas, às 12h30min | Sábados, às 15h | Domingos, às 18h
Classificação: livre

Assista o programa completo.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • wilson de souza pereira
    02 Out 2014 às 10:01

    é mito ou verdadeiro sobre a lixeira- tem ela propriedade medicinal o chá de sua casca. pra que serve?

  • Engenheiro Florestal
    03 Mai 2013 às 15:14

    O nome cientifico correto da espécie Lixeira foi digitado errado na matéria, o correto é Curatella americana

Redes Sociais

Sitevip Internet