Olhar Conceito

Sábado, 05 de dezembro de 2020

Notícias / Artes Cênicas

Garotas do projeto Siminina recebem apresentação teatral de grupo oriundo do Cena Onze

Da Redação - Isabela Mercuri

13 Jul 2016 - 14:57

Foto: Michel Alvim

Garotas do projeto Siminina recebem apresentação teatral de grupo oriundo do Cena Onze
As garotas atendidas pelo programa Siminina no bairro 1° de Março receberam, na última terça-feira (12), a visita do grupo de teatro “Os Brincalhões”, que, com arte e brincadeiras, ensinaram sobre higiene pessoal, respeito e ecologia.

Leia mais:

Com nova sede inaugurada e mais salas a caminho, programa Siminina atende cada vez mais garotas

O projeto Siminina é realizado em diversos bairros da capital (e no Distrito da Guia) e busca oferecer aulas a garotas de comunidades carentes, de 6 a 14 anos de idade, além de conversar sobre cuidados de saúde, odontológicos e trabalha com atividades lúdicas, bullying, inclusão social, orientação sexual, além da apresentação da equipe e suas atribuições.
De acordo com a Assessoria da Prefeitura, além da unidade do Siminina no 1º de Março, as unidades do programa nos bairros Altos da Boa Vista, Araçá, Bela Vista e Colorado receberão o grupo de teatro ainda neste mês.

“Os Brincalhões” foi criado pela companhia Cena Onze de teatro, e conta com seis atores que se apresentam vestidos de palhaços. Nas cenas, usam diversos itens do cotidiano de tamanhos gigantescos – escovas de dente, creme dental, lata de lixo e até um fio dental.

“Iniciamos o trabalho com uma intervenção, fazendo com que elas entrem no nosso mundo de encantamento e fantasia. Com uma linguagem circense, buscamos resgatar as brincadeiras e a infância das crianças, de modo a conduzi-las para este aprendizado que, muitas vezes é ensinado no dia-a-dia, mas de uma forma que elas sequer prestam atenção”, explicou Gênessy, um dos atores.

Para Odinamar, outro ator, poder participar deste trabalho é gratificante: “Elas estão crescendo muito rápido ou adquirem muitas responsabilidades logo cedo. Então, esse nosso trabalho tem a missão de lembrá-las que elas são crianças ainda e que, apesar de tudo que fazem hoje, elas devem se dedicar ao aprendizado, à escola e ao respeito à família e amigos, para continuarem sendo boas pessoas no futuro”, destacou.

Atualmente, o programa atende 120 meninas no contra-turno escolar, somente no bairro 1° de Março. Para Marilei Correa, coordenadora da unidade, o evento foi de extrema importância:

“Tenho certeza de que, para elas, esse projeto é um encantamento. Foi apaixonante e muitas delas saíram com um brilho no olhar a mais, além de mais conhecimento. Ficamos muitos felizes de poder receber esse grupo de artistas e esperamos que esse projeto possa se repetir muitas outras vezes”, concluiu.

O Siminina é um projeto da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano de Cuiabá.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet