Olhar Conceito

Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Notícias / Artes Cênicas

no Chile

Atriz cuiabana leva espetáculo para maior festival de teatro de caixa da América

Da Redação - Isabela Mercuri

22 Mar 2017 - 11:29

Foto: Reprodução / Ilustração

Agustino e Raquel

Agustino e Raquel

O projeto de teatro de bonecos da atriz cuiabana Raquel Mutzenberg viaja ao Chile no próximo mês de abril, para participar do 4º FestiLambe, festival de lambe lambe que acontece na cidade de Valparaíso. Ao todo, são 25 espetáculos oriundos de todo o mundo que participam da mostra.

Leia também:
Espetáculo reúne histórias de ícones cuiabanos como Dunga Rodriges e Maria Taquara

Raquel vai apresentar seu boneco ‘Agustino Peixe Grande’, que é visto por dentro da caixinha de teatro lambe lambe. Este foi seu primeiro teatro de formas animadas solo. “É um teatro em miniatura dentro de uma caixinha, apresentado pra uma pessoa por vez assistir com fones de ouvido, e essa pessoa espia por um buraquinho”, conta a artista.

O espetáculo foi criado em 2014, e desde o início Raquel levava sua caixinha para diversas feiras na cidade. Hoje, ela já acumula no currículo apresentações em diversos festivais. “Circulei pela Amazônia pela Mostra Sesc Amazônia das Artes em 2015, fiz dez cidades da Amazônia Legal: Cuiabá, Teresina, São Luiz, Manaus, Belém, Rio Branco, Macapá, Boa Vista, Palmas, Porto Velho e uma cidade do interior do Amazonas”, lembra. “Quando voltei a gente montou o coletivo ‘caixas no caminho’ e somos em cinco caixinhas. Ano passado também fui no Festim, festival de teatro em miniatura de Belo Horizonte, também para Portugal no Festival do Fafe, pra Argentina no festival do Chaco, e outros”.

A participação no festival de Valparaíso, no entanto, é uma vitória para a atriz. “É um trabalho solo e que cabe na mala, e eu gosto de viajar, então levo para onde eu viajo. Agora o próximo destino é o festival de Valparaíso, que é uma vitrine incrível. É o maior festival de teatro de caixa da América”, comenta. “Valparaíso é onde eu sempre quis levá-lo. Apesar de eu já ter levado para o Chile em 2015, eu não apresentei nesse festival, apresentei em outro”.



O festival começa no próximo dia 1 de abril, sábado, e segue até o dia 8. Raquel vai se apresentar vários dias. “Funciona assim: a gente leva vinte caixas pra um parque, e a gente se espalha para apresentar, e forma fila”, comenta.

O espetáculo

Agustino Peixe Grande é uma peça inspirada na lenda cuiabana do Minhocão do Pari. “O personagem inspirado no meu pai é um pescador que estava pescando na beira de um rio. O rio fica atrás de uma cachoeira, e as pessoas tem que entrar na cachoeira, ficar com a cabeça embaixo dela para ver a caverninha, e aí lá dentro está o Agostino pescando. E algo acontece, porque ele começa a pescar, beber, e o rio traga ele”, explica Raquel.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet