Olhar Conceito

Quarta-feira, 14 de abril de 2021

Notícias / Artes Cênicas

2º Mostra de Cenas

MT Escola de Teatro reapresenta três espetáculos sobre refugiados neste domingo

Da Redação - Vitória Lopes

23 Fev 2018 - 09:25

MT Escola de Teatro reapresenta três espetáculos sobre refugiados neste domingo
Quem perdeu os espetáculos Portas, Diáspora e Pacto de Sangue têm a oportunidade de contemplar as peças na 2º Mostra de Cenas da MT Escola de Teatro, que será reapresentada no próximo domingo (25), a partir das 18 horas, no Cine Teatro Cuiabá.

Leia mais:
Novo ciclo de filmes do Cine Teatro traz novidades do cinema nacional nas próximas terças-feiras

Com base no tema “Eu refugiada, Eu refugiado”, a apresentação de Portas revela as histórias que ficam quando não há portas. No espetáculo Diáspora, o público embarca nas fronteiras fechadas aos refugiados árabes e a midiatização do menino Aylan Kurdi. Já Pacto de Sangue nos conta um ruído de uma história resgatada dos escombros de uma tragédia.

Os ingressos são gratuitos e devem ser retirados com 1h de antecedência na bilheteria do Cine Teatro. As três peças são produzidas em Cuiabá pelos aprendizes da escola e terão cada uma 20 minutos de duração.

Leia sinopse das peças:

Portas

Portas não conta história de um país devastado pelo terremoto.  Também não conta uma história sobre pessoas. O espetáculo portas conta uma história sobre objetos. Portas é uma história sobre um chapéu, uma bandeira, uma fotografia, um documento de identidade, um anel, uma camisa, um lenço, um celular e, principalmente, uma história sobre portas. Portas fechadas e que delimitam fronteiras. Portas que precisam ser abertas. Onde fica o Haiti? Do outro lado da porta.

Diáspora

Em setembro de 2015, a imagem do menino de três anos, Aylan Kurdi, debruçado sem vida em uma praia grega após fracassada travessia pelo Mediterrâneo invade as atrações da mídia tradicional. Um despertar sobre a onda dos refugiados árabes começa a tocar o público do Ocidente. No entanto, sob a regência mediática, as emoções do público são condicionadas: de comoção súbita à aceitação da tragédia, da solidariedade dissimulada à frieza, da indiferença à percepção de que os imigrantes são ameaças a serem combatidas com deportações, vistos negados, fronteiras fechadas. É necessário derrubar essas barreiras coletivas. É urgente nutrir o ser humano de empatia. Mais ainda: refletindo sobre as questões corretas.  É o que esperamos com esse espetáculo.

Pacto de Sangue

Em meio ao zumbido de todas as mídias, sobre os escombros do pós-tremor, uma história é resgatada. Notícias, relatos, murmurinho da realidade fragmentada. O que ver? O que é ouvir? Quem escolhe isso?

MT Escola de Teatro

Pioneira, a MT Escola de Teatro avança com as iniciativas de produção de peças e no aperfeiçoamento dos cursos oferecidos. Já neste ano de 2018, o curso tecnólogo faz intercâmbios com a SP Escola de teatro.
 
Com aulas ministradas por formadores de diversas áreas e objetivo de atender a comunidade em geral, principalmente aos interessados no estudo do teatro como atividade profissional.

O projeto, que é uma iniciativa do Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Cultura (SEC), em parceria com a Associação Cultural Cena Onze e Associação dos Artistas Amigos da Praça Adaap (SP).

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet