Olhar Conceito

Domingo, 28 de novembro de 2021

Notícias / Turismo

Desenvolvimento econômico

Governo faz pacote de medidas para “vender” turismo de MT e ação começa com famtour em Nobres

Da Redação - Lucas Bólico

16 Mar 2015 - 17:23

Foto: Chico Valdiner (Gcom/MT)

Seneri Paludo, Luís Carlos de Oliveira Nigro e representantes do Turismo em Bom Jardim

Seneri Paludo, Luís Carlos de Oliveira Nigro e representantes do Turismo em Bom Jardim

“O turismo em Nobres já é uma realidade”. A frase é do secretário de Desenvolvimento econômico Seneri Paludo, mas não traduz uma satisfação com o setor na cidade. Tanto que a secretaria está preparando um pacote de medidas para mudar os paradigmas do turismo não só naquela região, mas em todo o Estado. As primeiras etapas já estão sendo colocadas em prática e foram expostas à imprensa no último sábado (16), durante visita ao Distrito de Bom Jardim. 

Leia mais:
Com aumento do dólar, cidades brasileiras tornam-se destinos mais populares para viagens nos feriados
Cães e gatos poderão ser transportados dentro da cabine do avião da Gol a partir desta quarta

“Esse Famtour será um marco. E será o primeiro de muitos que faremos em Mato Grosso, para levarmos o nome do Estado mundo afora”, afirmou o secretário adjunto de Turismo da Sedec, Luis Carlos Nigro. Cerca de 40 jornalistas visitam o município e tiveram a oportunidade de ver a cachoeira Serra Azul, fazer flutuação no aquário e rio Salobra, visitar a Lagoa das Araras e conhecer as instalações no local. Bom Jardim tem 14 pousadas, cerca de 300 leitos e um fluxo de turistas que margeia o número de 500 pessoas a cada final de semana.

“A gente definiu que a vai trabalhar em três grandes pólos dentro do Estado, dentro do cluster do turismo. Um pólo é esse que a gente está visitando, que é Cuiabá, Chapada dos Guimarães e toda essa região de Nobres. Outro pólo que a gente vai trabalhar muito forte é do Pantanal e o terceiro é o Araguaia.”, explica Seneri. Cada pólo terá três eixos de trabalho, que envolverão infraestrutura, qualificação profissional e promoção.

A meta é fazer com que o turismo seja uma atividade viável e lucrativa em Mato Grosso, e caminhe com as próprias pernas. “Não dá para achar que vai ser o poder público que vai realizar tudo, muito pelo contrário, nosso trabalho é criar semente de negócio para que o investidor do setor turístico seja o investidor daqui do estado ou de fora venha aqui e crie novas posadas, crie novos atrativos, crie todo esse processo de desenvolvimento e ai é fundamental a gente sair dessa morosidade e ir pra cima para mostra para o investidor que tem a potencialidade que ele investindo no estado de Mato Grosso ele vai ter retorno”, completa Paludo.



Seneri explica que a primeira área de trabalho será para desenvolver a infraestrutura necessária para garantir a visitação dos turistas com conforto. Para isso, serão usados recursos federais e parcerias com os municípios. “Aqui, por exemplo, as duas estradas que ligam Bom Jardim até Nobres como a que liga Bom Jardim através do Manso, são obras com recursos do Prodetur [Programa de Desenvolvimento do Turismo]. Então isso já é um exemplo prático de como o dinheiro do turismo está sendo investido. Ainda assim a gente está estudando junto com a prefeitura algumas obras aqui no município. Acho que o grande trabalho, o grande foco agora especificamente para essa região de nobres é a gente trazer essa comunidade principalmente do trade turístico para ver que já existe algo aqui. O turismo em Nobres já é uma realidade”, alega.

O segundo passo será investir na qualificação profissional, que deve ser feita em parcerias com o setor privado, Sebrae, Sesi e os municípios. “Não adianta a gente ter a infraestrutura, a gente ter obras como o Memorial Rondon em mimoso e a gente não ter gente lá dentro mão de obra qualificada para apresentar ao turista”. A terceira é “vender” os potenciais para o empresariado, além da divulgação para os turistas.

O famtour foi feito em parceria da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, junto com o Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Mato Grosso (SHRBS) e o trade turístico. O prefeito de Nobres, Sebastião Gilmar Luiz da Silva, disse estar confiante de que agora o turismo na região de Nobres será tratado como merece. “O município está dando apoio na infraestrutura. Vamos construir um Centro de Apoio ao Turista, uma praça, estações de tratamento de água e esgoto. Estamos confiantes de que com a ajuda deste governo, as coisas irão acontecer”, elencou. 


Foto: Chico Valdiner (Gcom/MT).

O presidente do Conselho Municipal de Turismo Vicente Campos destaca que o município implantou o voucher único, onde 3% do valor é revertido ao município para investimento em infraestrutura. “Somos pioneiros no país na implantação do voucher único”, conta. Quem não conhecia Bom Jardim ficou impressionado com as belezas naturais como o repórter cinematográfico José Carlos dos Santos. “Não Imaginei que em Mato Grosso existisse um lugar lindo assim”.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet